corrupção

SERRAGLIO TENTOU BLINDAR FISCAL CORRUPTO E NÃO PODE CONTINUAR MINISTRO

Então ministra da Agricultura da presidente eleita Dilma Rousseff, Kátia Abreu tentou demitir o fiscal agropecuário Daniel Gonçalves Filho, sobre quem já pairavam indícios de corrupção, mas foi impedida pela pressão da bancada do PMDB no Paraná; Osmar Serraglio, que hoje é ministro da Justiça, chegou a ir ao gabinete de Kátia para pedir pela permanência de Gonçalves Filho, a quem chama de “grande chefe”, nas conversas interceptadas pela Polícia Federal; escândalo da carne coloca em risco exportações anuais de US$ 15 bilhões por ano do Brasil e países da União Europeia já ameaçam embargar a entrada do produto brasileiro; Serraglio é também uma das indicações de Eduardo Cunha no governo Temer

Do Brasil 247 Então ministra da Agricultura da presidente eleita Dilma Rousseff, Kátia Abreu tentou demitir o fiscal agropecuário Daniel Gonçalves Filho, sobre quem já pairavam indícios de corrupção, mas foi impedida pela pressão da bancada do PMDB no Paraná.

Osmar Serraglio, que hoje é ministro da Justiça, chegou a ir ao gabinete de Kátia para pedir pela permanência de Gonçalves Filho, a quem chama de “grande chefe”, nas conversas interceptadas pela Polícia Federal, segundo informa o jornalista Josias de Souza:

Não foi por acaso que Osmar Serraglio recorreu ao fiscal agropecuário Daniel Gonçalves Filho, para pedir que acudisse o dono de um frigorífico sob fiscalização no Paraná. No exercício do seu mandato de deputado federal, Serraglio notabilizou-se como um ferrenho protetor político do personagem. Agora, na pele de ministro da Justiça, Serraglio tenta se desvencilhar do seu protegido, acusado pela Polícia Federal de liderar a “organização criminosa” desbaratada na Operação Carne Fraca.

blog apurou que Serraglio pegou em lanças para tentar impedir que o “grande chefe”, como se referia a Daniel Gonçalves Filho, fosse afastado do comando da superintendência do Ministério da Agricultura no Paraná. Última titular da pasta da Agricultura na gestão de Dilma Rousseff, a senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) recebeu Serraglio em seu gabinete no ano passado, antes do impeachment da ex-presidente petista. O visitante estava acompanhado do deputado Sérgio Souza (PMDB-PR), outro anteparo político do fiscal da Carne Fraca.

Escândalo da carne coloca em risco exportações anuais de US$ 15 bilhões por ano do Brasil e países da União Europeia já ameaçam embargar a entrada do produto brasileiro (leia aqui).

Serraglio é também uma das indicações de Eduardo Cunha no governo Temer.

Um pensamento sobre “SERRAGLIO TENTOU BLINDAR FISCAL CORRUPTO E NÃO PODE CONTINUAR MINISTRO

  1. Onde estamos? Será que não sobra um político que não seja corrupto. Praticando como poderosos, crimes absurdos, não pensando no povo, prejudicando e matando os seres humanos. Será que ele não têm mãe, família, coração? Não sei julgar e nem posso. Porque só Deus julgará em definitivo esses criminosos, que se dizem brasileiros. Fico horrorizada e tenho certeza que todos nós ficamos sem saída. Que sejam punidos pelas Leis brasileiras, que infelizmente acredito que no final tudo vira em pizza.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s