Uncategorized

OS PERIGOS DO SECTARISMO POLÍTICO

Sustentabilidade e Democracia

mafaldapensante-9Foto:Quino, em Mafalda pensante.

Autor: Sandro Ari Andrade de Miranda, advogado, mestre em ciências sociais

Quem come do fruto do conhecimento é sempre expulso de algum paraíso

(Melanie Klein)

O termo sectarismo vem, na verdade, do pensamento religioso. Chamam-se sectários os grupamentos fechados, dogmáticos, com visão estreita, intolerante e avessos ao diálogo. Embora com uso predominante no campo político da esquerda, especialmente como crítica negativa ao aos grupos esquerdistas, avessos à ruptura de paradigmas, os maiores exemplos conhecidos de sectarismo político vêm dos conservadores, como no nazismo e no fascismo.

Pensar sectariamente é fácil, pois reproduz exatamente o não pensar, o não reflexivo, a segurança imperfeita das redomas. Na política, o agir e o pensar sectário acabam fomentando o ódio, a xenofobia e a não política. É um problema vivenciado em todos os campos que acaba contribuindo para a desconstrução dos espaços de diálogo democrático.

Ver o post original 322 mais palavras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s