Uncategorized

Assistência da China à Rússia afetará sistema financeiro do Ocidente

China, finanças, Ocidente, Russia, opinião, William Pesek

A intenção da China de ajudar à Rússia a resolver as dificuldades econômicas, declarada por Pequim após a recente ajuda à Venezuela e Argentina, significa a morte do sistema de Bretton Woods, que existia desde a Segunda Guerra Mundial, de acordo com uma opinião do colunista do Bloomberg no Japão William Pesek, citada pelo The Chicago Tribune.

Tal comportamento da China significa a perda por parte da América do status do principal elo do sistema financeiro global, bem como o enfraquecimento da influência do Japão na Ásia.

Segundo acredita William Pesek, a China ajuda outros países a fim de obter uma certa influência geopolítica, ao mesmo tempo, ela presta assistência aos Estados que não estão de acordo com a política dos EUA e seus aliados. O acordo sobre as permutas monetárias com a Rússia e Argentina, bem como um empréstimo substancial prestado à Venezuela indicam que a China está pronta para dar dinheiro em troca de alianças diplomáticas, afirma o autor.

Se a crise na zona do euro piorar em 2015, a China pode contar com o fato de os líderes europeus estarem dispostos a suavizar suas críticas, e, em caso de problemas com instituições financeiras ocidentais, quase todos os países asiáticos procurarão, provavelmente, a ajuda da China, considera William Pesek.
Leia mais: na VOZ DA RÚSSIA

4 pensamentos sobre “Assistência da China à Rússia afetará sistema financeiro do Ocidente

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s