PREVIDÊNCIA

Na RBS, Onyx Lorenzoni ameaça brasileiros com “banho de sangue” se Reforma da Previdência não passar

Onyx pede “grande pacto” por reforma da Previdência e cita exemplo do Chile: “Teve que dar um banho de sangue”. “O Sangue lavou as ruas do Chile mas agora a macroeconomia lá esta bem”, disse também o estafeta de Ditador. Ou seja, se não rolar o “pacto dele”, só um “banho de sangue” resolveria. Elogiou o Ditador assassino Pinochet, que mandou matar milhares de opositores e não fala dos milhões de aposentados que hoje reecebem apenas meio salário mínimo a titulo de “auxilio pobreza”, por que os Institutos de Previdência Privados “quebraram” e os bancos financiadores destes levaram todo o dinheiro. E ele falou isto em Plena Rádio Gaúcha. É bom o povo acordar logo, em especial o gaúcho, por que Bolsonaro e sua turma, incluindo Onyx, foram eleitos por este povo que talvez morra trabalhando sem nem conseguir se aposentar.

Segue a matéria da Gaúcha ZH

Ministro da Casa Civil falou sobre necessidade de mudanças na aposentadoria em entrevista ao Gaúcha Atualidade

GaúchaZH

Onyx Lorenzoni defendeu “grande pacto” para que o país avance com a reforma da Previdência e tenha mudanças positivasIsac Nóbrega / PR / DivulgaçãoFrente à articulação política do governo Bolsonaro na Câmara dos Deputados,  o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, foi enfático nesta quinta-feira (21) sobre a necessidade de um esforço conjunto para a provação da reforma da Previdência. Em entrevista ao Gaúcha Atualidade, o ministro citou o governo do ditador Augusto Pinochet, no Chile, para justificar os benefícios das mudanças a longo prazo: — O que temos que ter consciência é que neste momento ou o Brasil faz um grande pacto, superamos as dificuldades inclusive ideológicas, no sentido de poder construir um futuro para o nosso país, ou não temos futuro — afirmou o ministro, citando crises enfrentadas por outros países, como Portugal, a Grécia e, principalmente, o Chile.— No período Pinochet, o Chile teve que dar um banho de sangue. Triste, o sangue lavou as ruas do Chile, mas as bases macroeconômicas fixadas naquele governo, já passaram oito governos de esquerda e nenhum mexeu nas bases colocadas no Chile no governo Pinochet — completou.Para o ministro, diferente da situação do pais vizinho, no Brasil, “para que a transformação chegasse neste momento, só correu sangue do presidente Bolsonaro, de mais ninguém”, em referência ao ataque sofrido pelo presidente durante a campanha, em Minas Gerais . — Graças a Deus, ele está bem, está salvo, com a saúde em dia, e o Brasil se preparando para, feita a nova Previdência, o Brasil poder entrar no portal que leva o Brasil a um novo mundo — enfatizou.Mais tarde, diante da repercussão da fala do ministro, a colunista Rosane de Oliveira voltou a questioná-lo sobre a referência ao “banho de sangue” no Chile.— O Chile, para poder ser o que ele é hoje, com US$ 24 mil de renda per capita ao ano, um país que tem absoluta independência, que tem prosperidade, que tem educação de qualidade, tu anda livremente nas ruas sem nenhum medo à meia-noite, o que a gente não consegue fazer nas cidades brasileiras… foram lançadas as bases que permitiram que este país pudesse se consolidar — disse Onyx. — Provavelmente a turma da esquerda se incomodou porque eu reconheci algum mérito no governo Pinochet.— Não, foi pelo banho de sangue que as pessoas se incomodaram — relatou Rosane de Oliveira, citando mensagens de ouvintes no WhatsApp da Rádio Gaúcha.— E no Brasil, que o presidente teve que dar o seu sangue? Ninguém fala, ninguém ficou revoltado? — rebateu o ministro.

Alguém tem alguma dúvida do que disse o Ministro do Bolsonaro? Se não aprovar “na boa”, com compra de Deputados e tudo, só se correr sangue pra aprovar. E ainda elogiou o Pinochet, que mandou matar e torturar milhares de pessoas.”Talquei?” Como diria o Bolsonaro.

Pra quem tem estômago, leia e ouça a entrevista na íntegra no link da RBS a seguir https://gauchazh.clicrbs.com.br/politica/noticia/2019/03/onyx-pede-grande-pacto-por-reforma-da-previdencia-e-cita-exemplo-do-chile-teve-que-dar-um-banho-de-sangue-cjtikmy6i05al01ujdr8da4f5.html

5 pensamentos sobre “Na RBS, Onyx Lorenzoni ameaça brasileiros com “banho de sangue” se Reforma da Previdência não passar

Deixe uma resposta para MARCELO Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s