Água/energia/Uncategorized

Crime: Esvaziaram Hidrelétricas para aumentar preço da Luz e lucro de empresas, mostra Ex Diretor da ANA – Agência Nacional de Águas

O ONS aumentou sistematicamente, mês a mês, mesmo as chuvas não chegando, a operação da geração hidráulica no Brasil, e reduziu a geração térmica, provocando artificialmente um esvaziamento dos reservatórios”. (Vicente Andreu, Ex Presidente da ANA, Vicente Andreu – Extrato da Matéria da Câmara dos Deputados que publico na íntegra a seguir:

Comentário do Blogueiro: No artigo Reservatórios de hidrelétricas foram esvaziados para elevar lucros, denuncia Jornal Monitor Econômico eu já tinha denunciado a maracutaia aqui no Blog. Agora em Audiência da Câmara dos Deputados isto ficou mais flagrante. Com o aumento que todos nós já estamos pagando e ainda vai subir mais, a Empresa que comprar a ELETROBRAS vai pagar só com o que vier em função do aumento, todo o valor da empresa em um ano. E mesmo assim, com este desatino de Guedes e da corriola bolsonarista atrás de dinheiro, mesmo com o preço absurdo da Energia, o Brasil pode ter apagões como na época de Fernando Henrique Cardoso. E não sou eu que estou dizendo. São os técnicos. Leia e Assista a Seguir:

Para eles, reajustes de tarifas de energia elétrica privilegiam lucro de empresas e acionista

Debatedores ouvidos nesta segunda-feira (16) pela Comissão de Legislação Participativa da Câmara dos Deputados afirmaram que os sucessivos aumentos na conta de luz do brasileiro não decorrem da falta de chuvas, mas de má gestão dos reservatórios das usinas hidrelétricas. Eles também consideram que a atual  política energética privilegia a distribuição de lucros para empresários e acionistas do setor elétrico.

Ex-diretor-presidente da Agência Nacional de Águas (ANA), Vicente Andreu defendeu a tese de que a crise hídrica atual resulta de uma “ação irresponsável” do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) – órgão que controla a operação das instalações de empresas de geração e transmissão. Ele avalia que o órgão deveria ter acionado as termelétricas mais cedo, a fim de reduzir os impactos da falta de chuva nos reservatórios das hidrelétricas.

“O ONS aumentou sistematicamente, mês a mês, mesmo as chuvas não chegando, a operação da geração hidráulica no Brasil, e reduziu, de maneira irresponsável, a geração térmica, provocando artificialmente um esvaziamento dos reservatórios”, observou Andreu, durante o debate proposto pelos deputados João Daniel (PT-SE), Waldenor Pereira (PT-BA), Nilto Tatto (PT-SP), Valmir Assunção (PT-BA), Patrus Ananias (PT-MG) e Marcon (PT-RS).

“É um padrão que leva à fabricação artificial de crise no final do período chuvoso, gerando uma explosão de tarifas”, acrescentou. O mestre em energia Gilberto Cervinski, que representou o Movimento dos Atingidos pelas Barragens (MAB), também questionou a gestão dos reservatórios. “O resultado disso é o aumento na conta de luz do povo.”

Vicente Andreu: Operador Nacional do Sistema Elétrico foi irresponsável

Vicente Andreu: Operador Nacional do Sistema Elétrico foi irresponsável

Reajustes
Os deputados Waldenor Pereira, que preside o colegiado, e João Daniel, que comandou a reunião de hoje, destacaram a importância de debater alternativas para a crise do setor elétrico, que tem gerado aumentos sucessivos na tarifa de energia.

O último reajuste, que começou a valer em julho deste ano, elevou o valor da tarifa para R$ 9,492 por 100 quilowatts-hora (kWh), 52% maior do que a tarifa praticada em junho (R$ 6,243). Nos dois meses, o valor cobrado corresponde ao patamar 2 da bandeira vermelha, que prevê os maiores reajustes em função da elevação dos custos de geração. Em maio, o valor cobrado pelos mesmos 100 kWh era de R$ 4,169 e a bandeira tarifária era vermelha patamar 1. Em abril, com bandeira amarela, a tarifa era de R$ 1,343 a cada 100 kWh consumidos.

Dividendos
Representando os trabalhadores do setor elétrico, Gustavo Teixeira, do Coletivo Nacional dos Eletricitários (CNE), disse que o aumento nas contas de luz também tem relação com a política energética adotada no Brasil, que, segundo ele, privilegia ganhos de empresários e acionistas do setor.

“Ao mesmo tempo em que temos uma das tarifas mais caras do mundo, o setor elétrico é um dos que mais paga dividendos”, declarou Teixeira. De acordo com ele, em valores não atualizados, de 2011 a 2020, foram pagos R$ 112 bilhões em dividendos pagos a acionistas do setor. “No ano inicial da pandemia, 2020, foram distribuídos R$ 14 bilhões em dividendos. Muitas empresas do mundo optaram por não distribuir dividendos na pandemia, até pra preservar caixa. No Brasil, não houve essa preocupação”, sustentou.

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Um pensamento sobre “Crime: Esvaziaram Hidrelétricas para aumentar preço da Luz e lucro de empresas, mostra Ex Diretor da ANA – Agência Nacional de Águas

  1. Pingback: Privatização da Eletrobras aumentará a miséria - Salve a Energia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s