PREVIDÊNCIA/trabalho

Dados do IPEA mostram que 45% dos trabalhadores morrerão antes de se aposentar

Do  Paulo Jannuzzi no facebook

“Na Reforma da Previdência não apareceu um dado FUNDAMENTAL para garantia de equidade social da Previdência: A esperança de vida de homens com renda domiciliar até 348 reais (que totalizam 45% dos domicilios no país) é de 65,9 anos !!
Entre os 6% mais ricos, a esperança de vida é de 77,8 anos.
Vejam mais detalhes no livro publicado pelo IPEA
“Novo regime demográfico: uma nova relação entre população
e desenvolvimento ? / Ana Amélia Camarano (Organizadora). Rio de Janeiro : Ipea, 2014″ em 2014 no link”

pobres-morrem-antes-de-aposentar
repositorio.ipea.gov.br/…/3288/1/Novo%20regime%20demográfic…

Comentário do Blogueiro: Previdência e Seguridade Social não são gastos. São investimentos no Presente e no futuro do país. Um país que não cuida dos seus cidadãos que mais precisam esta a caminho de perder até seu sentimento de nação.Na opinião deste blogueiro, o gráfico acima mostra o óbvio: Se for aprovada esta tal “Reforma da Previdência”, os POBRES MORRERÃO ANTES DE SE APOSENTAR. Simples assim. E os dados são do IPEA – Instituto de Pesquisa econômica Aplicada, do próprio governo. Então é simples: O Governo sabe que as pessoas morrerão antes de se aposentar. E só os remediados e o ricos se aposentarão. Tem que desenhar melhor que o gráfico acima?

_____________________________________________________

paulo-jannuzziQuem é Paulo de Martino Jannuzzi : é Professor do Programa de Pós-Graduação em População, Território e Estatísticas Públicas da Escola Nacional de Ciências Estatísticas(ENCE) do IBGE e professor colaborador da Escola Nacional de Administração Pública (ENAP). Foi Secretário de Avaliação e Gestão de Informação (SAGI) do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome de março de 2011 a 11 de maio de 2016. Foi Analista Socioeconômico e Assessor Técnico da Fundação Seade (1994 a 2010) e Professor, Coordenador de Pesquisa e Extensão e Coordenador de Curso de Especialização em Gestão Pública da PUC-Campinas (1992 a 2010). Graduou-se em Matemática Aplicada e Computacional pela Unicamp em 1985, concluiu o Mestrado em Administração Pública pela Eaesp/FGV em 1994, o Doutorado em Demografia pela Universidade Estadual de Campinas em 1998 e desenvolveu projeto de pesquisa de Pós-doutoramento em Estatísticas Públicas na ENCE em 2001. Atua no campo interdisciplinar entre a Demografia e Políticas Públicas, lecionando disciplinas, desenvolvendo projetos, orientando alunos e publicando trabalhos em Estatísticas Públicas, Monitoramento e Avaliação de Programas Sociais.

2 pensamentos sobre “Dados do IPEA mostram que 45% dos trabalhadores morrerão antes de se aposentar

  1. Pingback: Dados do IPEA mostram que 45% dos trabalhadores morrerão antes de se aposentar | ALÔ BRASIL

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s