Educação/Uncategorized

Esse ano a eliminação do ENEM já começa no ato de inscrição

ENEMAlém da inscrição de R$ 82, outras 3 mudanças que tornam o Enem mais difícil

O Ministério da Educação elevou o rigor no acesso ao Enem a outro nível.

A taxa de inscrição para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) está R$ 14 reais mais cara. O valor foi de R$ 68 em 2016 para R$ 82, que será cobrado este ano. De 2000 a 2014, o MEC manteve a taxa em R$ 35. O Minisério da Educação publicou nesta segunda-feira (10) as novas regras para o exame.

As inscrições vão de 8 até 19 de maio e o pagamento da taxa pode ser feito até o dia 24 de maio.

A notícia pegou os estudantes de surpresa.

Esse ano a eliminação do ENEM já começa no ato da inscrição https://twitter.com/portald24am/status/851406662422454272 

gente quase 100 reais pra fazer o enem? vai ter open food vai ter show indie ?

eu já acordo sabendo que o enem tá 82 reais? só pode ser um pesadelo

O MEC, no entanto, justifica que arca com 70% dos custos da prova. Em 2016, a prova custou R$ 91,49 por candidato para ser feita, R$ 23,49 a mais que o valor da inscrição, a pasta custeia cerca de 70% das provas integralmente, referente a dos candidatos isentos.

O ministério ressalta ainda que a maioria dos vestibulares cobra uma taxa média de R$ 140.

@umvesgo Lembrando que só 30% das pessoas pagam o ENEM, os outros 70% isento

Em janeiro, o MEC já havia anunciado outras quatro mudanças na prova, como a extinção do exame como certificado do Ensino Médio. Desta vez, além do reajuste de 20% na taxa de inscrição, o MEC apertou ourtras três regras.

Isenção

Nas edições anteriores, o candidato apresentava uma declaração de baixa renda, que não era checada. Agora, o governo vai conferir a declaração cruzando com banco de dados do governo. São isentos os participantes de baixa renda inscritos no CadÚnico e os que se enquadram na lei 12.799/2013. A legislação inclui aqueles com renda igual ou inferior a um salário mínimo e meio, equivalente a R$ 1.405,50.

Isentos faltosos

Bastava que o candidato isento justificasse o motivo da falta para ter direito à gratuidade no ano seguinte. A partir desta edição, os isentos só terão o direito novamente se provarem a ausência com documentos, como atestado médico, boletim de ocorrência ou documento judicial.

Atendimento especializado

O laudo médico era exigido no período de inscrição, agora será no ato da inscrição. O tempo adicional, que era solicitado no dia da prova, terá de ser feito no ato da inscrição.

Um pensamento sobre “Esse ano a eliminação do ENEM já começa no ato de inscrição

  1. Pingback: Esse ano a eliminação do ENEM já começa no ato de inscrição | Luíz Müller Blog | BRASIL S.A

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s