Porto Alegre

Porto Alegre: Marchezan vai quebrar comércio dos bairros e gerar mais desemprego na cidade

“Destruição de 38.795 empregos com Carteira Assinada será uma das consequências de Marchezan retirar R$ 633 milhões da Economia da cidade.” (Extraído do Panfleto do SIMPA, distribuído a população da cidade) 

Servidores Municipais recebem salário. E eles, assim como os demais trabalhadores, gastam este salário, comprando comida, roupas e utensílios. Eles compram isto geralmente no mercado local, muitas vezes no próprio Bairro onde residem.  Se os Servidores tem seus salários parcelados ou pior ainda, reduzidos, como quer Marchezan, isto afeta não só a vida destes servidores, mas de todo o comércio, serviços e até de pequenas industrias locais. E o SIMPA, de forma inteligente, mostra aos demais trabalhadores e ao povo de Porto Alegre, que isto não é uma questão dos servidores. Na opinião deste blogueiro, o SIMPA inova ao sair do gueto do corporativismo e mostrar que o qu5e esta havendo em Porto Alegre, no RS e no Brasil, não é uma questão de falta de dinheiro ou crise econômica, mas a aplicação de um Projeto Político que visa tirar dos que ganham menos e entregar aos que ganham mais, os agiotas e banqueiros internacionais, que vivem dos juros absurdos pagos por títulos da tal da “divida pública”.

Se aplicado o parcelamento e a Redução de salários dos servidores, como que Marchezan, R$ 633 milhões saem da economia do Município e vão para onde mesmo, por que hoje este dinheiro existe e esta pagando salários. Este dinheiro daria de arrecadação de Impostos para a prefeitura de mais de R$ 50 milhões, por que ao não ter o dinheiro para comprar ou contratar serviços, já não há mais ICMS, ISSQN, etc..E como o dinheiro não gira na comunidade, mercadinhos, botecos, lojas e bairro, etc… faturam menos. Se faturam menos, tem que demitir trabalhadores. A avaliação do SIMPA, respaldado por Estudos técnicos, mostra que o número de empregos perdidos pode chegar a 8 mil no Setor de Comércio e de 16,1 mil no setor de serviços.

E isto aí é capitalismo puro. Ou seja, tem que ser um Sindicato de Trabalhadores a ensinar pro ultra neo liberal capitalista Marchezan e aos pequenos e médios empresários de Porto Alegre, como funciona a roda da Economia capitalista. É simples. Se tu reduzes salários, tiras dinheiro da economia, e se tira dinheiro da economia, todos perdem. Ou melhor,Todos não: Ganha o sistema financeiro internacional. E perdem os servidores, trabalhadores do comércio, serviços, pequenos comerciantes e prestadores de serviços.

simpa 1

simpa 2

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s