Rio Grande do Sul/Segurança

Ataque a bancos na terra do Sartori só mostram o descontrole do Estado sobre a segurança pública

GuaibaCrime organizado avançando, chacinas, bancos explodidos e em boa parte com reféns ameaçados, é o Rio Grande do Sartori. O Estado esta desorganizado. Não há gestão para nada. Segurança pública, saúde e educação estão desmoronando. E é por opção do Governador e de sua trupe. A desorganização proposital dos serviços do Estado os torna inoperantes ou pífios. Enquanto isto a RBS e a mídia dizem que a “crise” é a doença do Estado e que o remédio é vender todo o patrimônio público e como disse o Secretario Feltes, “Vender o futuro do Estado” é o caminho. E como se não bastasse,até na Segurança pública enveredaram por uma privatização escamoteada ao aceitar que certas empresas e empresários doem equipamentos e até armamento para a polícia, retomando os nefastos tempos da Ditadura militar, onde a BM e a Polícia Civil eram municiadas por nababos empresários através dos “Consepros” e em troca os que doavam tinham segurança “reforçada” e os que não tinham para doar…bom, estes ficavam sem segurança mesmo.

E na matéria da Guaíba que  reproduzo a seguir, a intenção é ainda empurrar a responsabilidade da apuração para o Governo Federal, que no caso da Segurança Pública tem metido os pés pelas mãos, se não sido coadjuvante no armamento do Crime organizado, como dá para supor em função desta barbaridade denunciada pelo Jornal Extra, de que Balas que mataram Marieli no RJ faziam parte de um “lote especial”, com 10 vezes mais balas que o usual, feitos para a PF, mas que curiosamente foram roubadas, e que já foram encontradas inclusive em chacinas em outros lugares do Brasil.

Vai matéria da Guaíba sobre o tema:

Criminosos atacam três agências bancárias em Caxias do Sul

Três agências da Caixa Econômica Federal foram alvo de criminosos na madrugada desta quarta-feira, em Caxias do Sul, na Serra.

A agências da rua Matteo Gianella, no bairro Santa Catarina, foi a primeira a ser atacada. Os criminosos quebraram uma janela lateral com uma pedra e acessaram a área de auto-atendimento por volta das 4h22min. Houve tentativa de arrombar o caixa eletrônico, mas nenhum valor foi levado.

Já a agência localizada na rua General Sampaio, no bairro Rio Branco, o vidro da porta também foi quebrado com uma pedra mas não houve sequer tentativa de arrombamento dos caixas eletrônicos.

A terceira agência,  onde os criminosos agiram, foi a da Rua Moreira César, no bairro Pio X. Ali também houve a tentativa de quebrar a porta, mas sem êxito.

A Polícia acredita que todas ações foram realizadas pelo mesmo grupo. Por ser órgão do Governo Federal a Polícia Federal vai ser acionada para investigar o caso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s