política/Rio Grande do Sul

Em Manifesto, PSB de Beto Albuquerque, diz que apoio a Sartori é só para manter os cargos de seus apadrinhados

Há políticos que perderam a vergonha e a compostura. Não os move um projeto de benefícios para a sociedade, mas únicamente o interesse próprio e seus apadrinhados. Não fala em programa de governo, em melhorias pro povo, nada. Não há outra conclusão a tirar do manifesto dos deputados do PSB que reproduzo a seguir, e que ao que tudo indica, foi lançado para intimidar os que dentro do PSB buscam manter o PSB no campo da esquerda ou da centro esquerda. Leia o conteúdo do Manifesto e tire suas próprias conclusões:

 

Beto PSB

MANIFESTO
Aos filiados do Partido Socialista Brasileiro
Caros companheiros e companheiras,
Consideramos muito importante o debate realizado em torno das propostas de
coligação ou candidatura própria que vem sendo realizado em nosso partido. Ao todo
aconteceram nove grandes encontros com ampla participação de nossos militantes.
Respeitamos e consideramos todas as defesas que foram realizadas sobre qualquer uma das propostas discutidas. O Diretório Estadual apontou, com uma maioria expressiva, a tendência do nosso partido coligar-se com o governador Sartori. Além de respeitarmos, achamos justos os movimentos em torno de candidatura própria, mas, neste momento, queremos observar as questões abaixo citadas:
1º) o nosso partido tem tido extremas dificuldades de manutenção, sem recurso
nenhum para investir em candidatura majoritária. Consultamos a direção nacional do PSB e fomos informados que não teremos recursos para investir em candidatura majoritária em nosso estado, visto que o partido já definiu algumas candidaturas prioritárias em nível nacional e estas terão exclusividade dos recursos;
2º) se nós aguardarmos uma definição só após o congresso do partido teremos muita
dificuldade em participar de coligações proporcionais que possam ser vantajosas para nós e também que possam fortalecer nossa candidatura ao Senado Federal;
3º) julgamos que uma candidatura majoritária sempre deve ser o objetivo de um
partido, mas para isso é fundamental que se tenha uma estratégia eleitoral, pensada e planejada com quatro anos de antecedência e não apenas no ano da eleição;
4º) também teremos que nos afastar das duas Secretarias importantes que nós temos
no governo Sartori, que dão impacto no nosso trabalho e nas conquistas que tivemos;
5º) a contribuição partidária dos nossos militantes que fazem parte do Governo do
estado, que seriam demitidos, tem sido fundamental neste momento para a sobrevivência do nosso partido;
6º) não consideramos justo permanecer no governo Sartori tendo uma candidatura de
oposição ao seu governo. Se não somos oposição devemos ficar, mas sendo oposição devemos sair.
Diante de todas essas justificativas apresentadas, nós, dirigentes partidários, optamos
por referendar a proposta do Diretório Estadual e apoiar a aliança com o governo Sartori, apósconsiderar entendimentos programáticos que incluam as principais bandeiras de luta do nosso
partido.
Assinado:
Deputado Federal José Stédile
Deputado Federal Heitor Schuch
Deputada Estadual Liziane Bayer
Deputado Estadual Catarina Paladini
Deputado Estadual Elton Weber
Vice-Presidente do PSB Nacional – Beto Albuquerque
Primeiro Vice-Presidente do PSB Estadual – Mário Bruck
Tesoureiro do PSB Estadual – Anselmo Piovesan
Secretário de Desenvolvimento Rural – Tarcisio José Minetto
Secretário de Obras, Saneamento e Habitação – Rogério Araújo de Salazar

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s