Eleições

O rei da moral e dos bons costumes Eduardo Cunha põe a filha na campanha de Bolsonaro

Eduardo Cunha, o político mais desprezado do Brasil, mas que serviu de cabeça de ponte para o desembarque de Michel Temer no Palácio do Planalto, mandou a filha, candidata a deputada, divulgar o apoio – que é evidentemente o dele – à candidatura de Jair Bolsonaro à Presidência.

Se ainda houvesse alguma racionalidade , deveria ser o bastante para tirar centenas de milhares de votos do ex-capitão. É o apoio de quem, mais que ninguém, ficou como símbolo de político corrupto no Brasil.

Mas não há racionalidade no discurso de ódio e, contra o PT, vale até ladrão público escancarado.

Mas serve, também, para duas coisas. A primeira, confessada pela própria Danielle Cunha, é que foi o pai que  “com muito sucesso, através do impeachment” quem abalou o PT na opinião pública. A segunda é que a “honestidade” de Bolsonaro tem a chancela de Cunha.

Para quem sobrar razão, dá para ver que “moralidade” está com o fascista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s