Porto Alegre/SAÚDE

Porto Alegre / COVID-19: Hospital Moinhos de Vento aluga contêiner para acomodar pacientes mortos

Enquanto isto Bolsonaro veta importação rápida da Vacina Sputnik V e outras e vai atrasar ainda mais a Vacinação. Mais gente vai morrer!

Alguém acha que tá acontecendo isto em um Hospital da Iniciativa Privada, dos mais modernos e caros de Porto Alegre assim? A É o colapso Sistema de Saúde de Porto Alegre.

Dá pra culpar quem é obrigado a desafiar o Vírus nos lotados ônibus do Melo, por que precisa trabalhar pra poder sobreviver?

Tem culpa os que continuam acreditando nas bravatas do Bolsonaro. Mas dá mesmo pra culpar a burrice de quem poderia estar trabalhando em home office mas aglomera pra desafiar o vírus e depois transporta ele pra dentro de casa contaminando toda a família?

Ou diante da tragédia que já esta entre nós, os porto alegrenses e os gaúchos finalmente identificarão o maior responsável pelo genocídio que esta sendo cometido contra os brasileiros? Já são 255 mil mortes.

A matéria a Seguir é da Zero Hora:

Instituição transformou centro cirúrgico e salas de recuperação em alas para receber doentes com covid-19

Instituição com índice de internação superior à capacidade de leitos de UTI, registrando 114,9% no início da tarde desta terça-feira (2), o Hospital Moinhos de Vento decidiu alugar um contêiner refrigerado para alocar os pacientes mortos, após o esgotamento do necrotério do local.

— A nossa lista do morgue (necrotério), ontem (segunda-feira), ultrapassou a capacidade de acomodar as pessoas que faleceram dentro do hospital. Estamos contratando um contêiner para poder colocar as vítimas — disse, em entrevista à GloboNews, o superintendente médico do hospital, Luiz Antonio Nasi.

Outras medidas emergenciais já foram tomadas, como a transformação do centro cirúrgico e salas de recuperação em alas para receber doentes com covid-19, relatou.

Nasi classificou a situação como “caótica”, relatando um “cenário de guerra” nas alas da instituição. O superintendente citou que o hospital atendeu mais de 7 mil pessoas com covid-19 ao longo do último ano e que há a percepção de que a situação no momento é diferente da encontrada até então no combate à doença.

O superintendente acredita que a piora dos índices de internação e de óbitos tem relação com a disseminação da variação P1 do coronavírus no Estado, defendendo a maior restrição no trânsito de pessoas.

— Atingimos o apogeu da gravidade. Os pacientes, além de serem mais jovens, estão muito mais graves. O tempo de permanência na UTI e os recursos dispensados para melhorar a oxigenação dos pacientes foram multiplicados. Isso determinou uma quebra da nossa rotina.

Para atuar frente ao aumento de pacientes e da gravidade dos internados, médicos, anestesistas e enfermeiros de todas as áreas estão sendo requisitados para atuar na área covid.

Um pensamento sobre “Porto Alegre / COVID-19: Hospital Moinhos de Vento aluga contêiner para acomodar pacientes mortos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s