Análise de um ano da reforma trabalhista
trabalho

Análise de um ano da reforma trabalhista

A geração de novos empregos foi pequena, o salário mínimo tende a se tornar ‘salário-teto’ com o trabalho intermitente, houve aumento da informalidade e das fraudes ao vínculo de emprego, entre outras constatações   Por Marina Sampaio e Paula Freitas de Almeida Créditos da foto: (Marcelo Camargo/Agência Brasil) A reforma trabalhista foi justificada pela necessidade de … Continuar lendo

DESEMPREGO, TRABALHO PRECÁRIO E POBREZA AUMENTAM, MAS RICOS GANHAM CADA VEZ MAIS
Luta de classes/trabalho

DESEMPREGO, TRABALHO PRECÁRIO E POBREZA AUMENTAM, MAS RICOS GANHAM CADA VEZ MAIS

Cada vez MENOS trabalhadores de Carteira Assinada, apesar da Reforma Trabalhista . E os desempregados vão se virando como podem. Trabalho informal, sem carteira assinada e sem nenhum direito, é alternativa e quase 2 milhões de trabalhadores que perderam seu trabalho de carteira assinada já foram por este caminho. Se juntam aos mais de 20 … Continuar lendo

Reforma vai empobrecer trabalhador, beneficiar capital e aumentar subemprego, diz analista
trabalho

Reforma vai empobrecer trabalhador, beneficiar capital e aumentar subemprego, diz analista

Do Jornal do Brasil “A entrada em vigor da nova reforma trabalhista, neste sábado, vai ter como único resultado o empobrecimento da classe trabalhadora, a redução de direitos conquistados ao longo de décadas e o aumento do subemprego apenas para privilegiar o capital.” A análise é de Mauro Puerto, integrante da executiva nacional da CSP … Continuar lendo

Como trabalho escravo esta suspenso, empresas vão utilizar trabalhadores sob “trabalho intermitente”… por enquanto
trabalho

Como trabalho escravo esta suspenso, empresas vão utilizar trabalhadores sob “trabalho intermitente”… por enquanto

Antes os trabalhadores já recebiam pouco e faziam hora extra pra garantir uma grana a mais. Agora isto terminou. Estes vão ficar só com o pouco, por que onde antes havia horas extras, pagas com 50% até 100% a mais, viram agora vagas de trabalho precário, 15 horas por semana, a R$ 4,45 a hora. … Continuar lendo

A nova classe do setor de serviços e a uberização da força de trabalho
trabalho/Uncategorized

A nova classe do setor de serviços e a uberização da força de trabalho

  Desindustrialização da economia e desajustes neoliberais forçam o surgimento de uma classe trabalhadora composta de ocupações inseguras, mal pagas e desorganizadas. Os maus patrões agradecem Por Marcio Pochmann, para Revista do Brasil O colapso no padrão de financiamento da economia nacional logo no início da década de 1980, com a crise da dívida externa, … Continuar lendo

Em meio a retrocessos, STF pauta julgamento da terceirização plena para início de novembro
trabalho

Em meio a retrocessos, STF pauta julgamento da terceirização plena para início de novembro

Do Justificando A presidente do Tribunal, Cármen Lúcia, pautou para o próximo 9 de novembro o julgamento do Recurso Extraordinário 958.252, que discute a constitucionalidade da Súmula 331 do Tribunal Superior do Trabalho (TST). O relator do recurso é o min. Luiz Fux. A postura deixa especialistas em Direito Trabalhista apreensivos, uma vez que o STF … Continuar lendo