Uncategorized

Maracutaia imperialista : EUA pedem cancelamento do Mundial na Rússia e o afastamento de Blatter

Era mesmo muito estranho o FBI e a CIA preocupados com corrupção no futebol, ainda mais sabendo-se que boa parte das empresas corruptoras são daquele país ou tem fortes relações com o império. Pois olha aqui o que de fato move a corja imperialista. Não tem nada a ver com corrupção. Tem a ver com Geo Política internacional. Se tem corrupção, tem que apurar, como tem dito e feito a Presidenta Dilma. Agora propor esta atrocidade intervencionista em outro país por causa do futebol é o supra sumo do imperialismo yanque. Os americanos não querem prender corruptos. Querem pressionar os corruptos da FIFA a tirarem a COPA da Rússia. Entendeu ou quer que desenhe?  Lê aí a matéria do Sapo Desporto
Senadores dos EUA pedem à FIFA afastamento de Blatter e cancelamento de mundial na Rússia.
FIFA Executive Committee meeting in Zurich
Os senadores dos EUA Robert Menendez e John McCain pediram ao congresso da FIFA para reconsiderar o seu apoio ao presidente Sepp Blatter devido ao seu apoio ao Mundial de futebol de 2018 na Rússia.
“Há muito tempo que estou preocupado com a escolha da Rússia pela FIFA e as notícias de hoje apenas sublinham a necessidade de eleger um presidente que não somente apoie os valores da FIFA, mas que assegure que a FIFA não recompense países que não apoiam esses valores”, disse o senador Menendez, do estado de Nova Jérsia, numa nota enviada à agência Lusa.

Na carta enviada ao congresso do organismo máximo do futebol ao nível mundial, que é também assinada pelo ex-candidato presidencial John McCain, Menendez critica a escolha da Rússia, “apesar das constantes violações da integridade territorial da Ucrânia e as outras ameaças a arquitetura de segurança do pós II Guerra Mundial.”

A missiva foi divulgada no dia em que o Departamento de Justiça dos Estados Unidos indiciou nove dirigentes ou ex-dirigentes e cinco parceiros da FIFA, acusando-os de conspiração e corrupção nos últimos 24 anos, num caso em que estarão em causa subornos no valor de 151 milhões de dólares (quase 140 milhões de euros).

Entre os acusados estão dois vice-presidentes da FIFA, o uruguaio Eugenio Figueredo e Jeffrey Webb, das Ilhas Caimão e que é também presidente da CONCACAF (Confederação de Futebol da América do Norte, Central e Caraíbas), assim como o paraguaio Nicolás Leoz, ex-presidente da Confederação da América do Sul (Conmebol).

“Dadas as violações da integridade territorial da Ucrânia, os esforços de Putin para minar princípios de cooperação multilateral, normas partilhadas e acordos internacionais, acreditamos que permitir que a Rússia receba o Mundial vai apoiar o regime de Putin numa altura em que ele deve ser condenado”, escreveram os dois senadores na carta enviada terça-feira, antes das detenções serem conhecidas.

Menendez e McCain lembram ainda que mais de 40 países, todos membros da FIFA, impuseram sanções a Rússia.

“Ao permitirem que [o país] receba a competição, vão oferecer um salva-vidas económico que contraria as sanções multilaterais impostas pela comunidade internacional”, acrescenta a missiva.

Desde o anúncio das detenções, a FIFA anunciou a suspensão provisória de 11 pessoas: os nove dirigentes ou ex-dirigentes indiciados e ainda Daryll Warner, filho de Jack Warner, e Chuck Blazer, antigo homem forte do futebol dos Estados Unidos, ex-membro do Comité Executivo da FIFA e alegado informador da procuradoria norte-americana, que já esteve suspenso por fraude.

O diretor de comunicação assegurou ainda que decorrerá, como previsto, o congresso eleitoral de sexta-feira, no qual Blatter concorre a novo mandato, contra o jordano Ali bin al Hussein, também vice-presidente da FIFA.

Na carta, Menendez e McCain defendem que “o próximo presidente da FIFA tem a responsabilidade de assegurar, não apenas o sucesso e segurança do mundial de 2018, mas também a permanência da missão da FIFA de promover o futebol globalmente de forma a unir os seus valores educacionais, culturais e humanitários.”

“Encorajamos fortemente a eleição de um presidente que apoie estes valores e negue ao regime de Putin o privilégio de receber o Mundial de 2018”, concluem os senadores.

11 pensamentos sobre “Maracutaia imperialista : EUA pedem cancelamento do Mundial na Rússia e o afastamento de Blatter

  1. Os Estados Unidos são os que tem menor direito de falar sobre Putin,se é por isso, eles não poderiam nunca ser sede de nenhum campeonato são os que mais fazem guerra no mundo.Eu costumo dizer USA o câncer mundial.

    Curtir

  2. Pingback: Maracutaia imperialista : EUA pedem cancelamento do Mundial na Rússia e o afastamento de Blatter | O LADO ESCURO DA LUA

  3. Pingback: Golpe imperialista: EUA pedem cancelamento da Copa na Rússia e o afastamento de Blatter | bloglimpinhoecheiroso

  4. Esse pessoal pensa que tem tudo e todos na palma de suas mãos. Ir atrás de pessoas que tem negócios com eles, em seu país, em seus bancos e sacaneiam é compreensível, mas interferir numa entidade de futebol para dizer onde tem que mandar a copa é demais!
    O esporte é universal e o futebol é a arte que está à disposição de todos.
    A arte do futebol não se confunde com a guerra, antes, o esporte é promotor da paz.
    Os sedentos pela guerra, para intimidarem o mundo com suas últimas inovações bélicas, que matam mais em menos tempo, não podem intimidar o sorriso, o prazer, o grito de alegria do gol na disputa artística em que os dois lados saem aplaudidos por milhares de pessoas presentes e os milhões espalhados no mundo, pelo espetáculo proporcionado por meio dos dribles desconcertantes e criativos de meninos, de jovens que querem continuar vivendo pela alegria de viver.
    XÔ gente da guerra! Resolvam suas questões sem interferir naquilo que não lhes pertence.
    Afinal, o futebol é coisa do povo e deve ser manifestado em qualquer parte do mundo, gostem ou não gostem os promotores da guerra.

    Curtir

  5. Pingback: Especialista de Harvard alerta sobre interesses dos EUA em crise na Fifa | Luizmuller's Blog

  6. Mas os dois senadores republicanos não falam pelos americanos, ao contrário, são forças reacionárias derrotadas nas eleições majoritárias. São oportunistas que se aproveitam para propor a Guerra Fria. Não podemos por nosso lado aproveitar isso para incriminar o que não está em questão. O antiamericanismo aqui é anacrônico, tanto quanto a pretensão dos senadores conservadores americanos.

    Curtir

  7. Pingback: O FBI ENTRE GANGSTERS, ESQUERDISTAS, ROQUEIROS e a …FIFA (Por Paulo Moreira Leite) | Luizmuller's Blog

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s