Uncategorized

Pais, alunos e professores pedem revogação de decreto de Marchezan

rsurgente

Comunidades das escolas José Loureiro da Silva e Martim Aranha saíram em caminhada pela Avenida Tronco. (Foto: Divulgação)

Pais, alunos e professores das escolas municipais José Loureiro da Silva e Martim Aranha realizaram uma caminhada, na manhã desta sexta-feira (10), pela avenida Tronco, na Vila Cruzeiro, pedindo a revogação do decreto do prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Jr. (PSDB), que impôs mudanças na rotina das escolas. A manifestação também pediu a abertura de diálogo entre a Secretaria Municipal de Educação (Smed) e todos os segmentos da comunidade escolar.

Na escola José Loureiro da Silva, a manifestação foi organizada pela Comissão de Mães em conjunto com o Conselho Escolar, relata a diretora da escola, Silvana Moraes. “As nossas comunidades estão protestando porque querem ser ouvidas pelo prefeito. As famílias não imaginam que suas crianças sejam submetidas à nova rotina proposta pela Prefeitura. Eu não tenho como, ao meio-dia, liberar todos…

Ver o post original 226 mais palavras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s