Segurança

UM FOME ZERO CONTRA A VIOLÊNCIA (2) (Por Selvino Heck)

BETINHO 001

Betinho, Irmão do Henfil, mostrou que combater a fome reduz a violência. Lula com o Bolsa Família mostrou que desenvolvimento econômico e Social podem e devem andar juntos para que não impere a violência, a barbárie e a lei do mais forte.

Não se supera/não se combate a violência com mais violência.

Não se combate a violência sem diálogo com a sociedade.

Não se combate a violência com mais encarceramento.

Não se combate a violência com repressão.

Não se combate com prisão dos 3 P – pobres, pretos, prostitutas (e petistas).

Não se combate a violência com Exército nas ruas.

Não se combate a violência cadeias sem condições dignas, humanas.

Não se combate a violência com a visão e a prática de que bandido bom é bandido morto.

Não se combate a violência sem democracia.

Não se combate a violência com ditadura no pensamento e na prática.

Não se combate a violência com outro AI-5.

Não se combate a violência sendo aliado do latifúndio e do grande capital.

Não se combate a violência com Bancadas da Bala.

Não se combate a violência com mais mortes.

Não se combate a violência com golpes contra o povo e a democracia.

Não se combate a violência com mídia oligopolista.

Não se combate a violência com mentiras e fake news.

Não se combate a violência com tortura.

Não se combate a violência com jagunços armados dando proteção.

Não se combate a violência com criminalização dos movimentos sociais.

Não se combate a violência com preconceitos.

Não se combate a violência com guerras declaradas e não declaradas.

Não se combate a violência armado de ódio, revolveres, tanques e metralhadoras.

Não se combate a violência olhando o vizinho como inimigo.

 

Combate-se/supera-se a violência com políticas públicas com participação popular.

Supera-se a violência com mais educação.

Supera-se a violência com diálogo com a comunidade.

Supera-se a violência respeitando as diferenças.

Supera-se a violência com mais direitos.

Supera-se a violência com presos tendo acesso a trabalho e estudo.

Supera-se a violência combatendo a corrupção em todos os níveis.

Supera-se a violência descriminalizando a maconha.

Supera-se a violência com mais democracia.

Supera-se a violência com conscientização e povo organizado lutando por seus direitos.

Supera-se a violência cia com mais igualdade.

Supera-se a violência com Reforma Agrária, Reforma Urbana, Reforma Tributária.

Supera-se a violência combatendo a fome, a miséria e marginalização social.

Supera-se a violência com casa e comida, com saneamento básico nas favelas.

Supera-se a violência com valores humanos.

Supera-se a violência com solidariedade.

Supera-se a violência com emprego, saúde e cultura para todas e todos.

Supera-se a violência com economia solidária.

Supera-se a violência com paz no campo e na cidade.

Supera-se a violência com soberania.

Supera-se a violência com ecologia integral.

Supera-se a violência com qualidade de vida para todas e todos.

Supera-se a violência com justiça social e Justiça de verdade.

Supera-se a violência com o poder a serviço.

Supera-se a violência praticando esporte e acesso a lazer.

Supera-se a violência com segurança pública para todas as cidadãs e todos os cidadãos.

Supera-se a violência com respeito à natureza e aos Biomas.

Supera-se a violência com eleições livres e diretas, Referendos e Plebiscitos.

Supera-se a violência com liberdade de informação.

Supera-se a violência no abraço de irmãs e irmãos, companheiras e companheiros.

Supera-se a violência ao passar a cuia de chimarrão para quem está do lado.

Supera-se a violência rezando junto a canção do amor.

Supera-se a violência na dança da polonaise, da valsa e do vanerão.

Supera-se a violência tomando uma caipa coletiva enquanto se assa o churrasco.

Supera-se a violência na festa da comunidade.

Supera-se a violência na fraternidade da família.

Supera-se a violência no rufar dos tamborins da Tuiuti.

Supera-se a violência sonhando juntos a esperança.

Supera-se a violência num sociedade do Bem Viver.

Supera-se a violência construindo juntos e marchando juntos para a Terra Prometida.

 

Selvino Heck

Deputado estadual constituinte do Rio Grande do Sul (1987-1990)

Membro da Coordenação Nacional do Movimento Fé e Política

Em vinte e três de fevereiro de dois mil e dezoito

Clique no Link e assista 3 minutos de Documentário sobre Japeri no RJ, onde a extrema pobreza volta a aumentar de forma assustadora:

https://player.r7.com/video/i/5a8b341cd56f2e7235003dfc?layout=wide252p&full=true

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s