Uncategorized

Jornalista que denunciou esquema pró-Bolsonaro no WhatsApp aponta as falhas na investigação

Do Twitter de Patrícia Campos Mello, repórter da Folha de S.Paulo:

Twitter, Facebook e WhatsApp não respondem principais perguntas sobre seu papel na eleição brasileira – empresa não informa nem o impulsionamento pago por Luciano Hang, que foi multado pelo TSE.

DEZ PERGUNTAS SEM RESPOSTA Para o WhatsApp: Quantas contas ligadas às agências foram banidas? Quantas msgs foram enviadas dos números ligados às agências? Quais os números detectados pelo envio anormal de msgs? Qual aumento de msgs nos últimos 12 ms e queda nos últimos 30 dias?

PERGUNTAS PARA O FACEBOOK: Por que a empresa não informou ao TSE o impulsionamento de conteúdo pro-Bolsonaro feito por Luciano Hang, que já foi multado por isso? Qto foi gasto em impulsionamento no Facebook que levava o usuário a conteúdos referentes a Bolsonaro?

Quantas visualizações, cliques, curtidas e comentários foram recebidas por meio de impulsionamento pago no Facebook e Instagram relacionado a Jair Bolsonaro e Fernando Haddad?

Qual o valor gasto em impulsionamento no Twitter de conteúdos referentes a Jair Bolsonaro (não pagos pelo partido ou candidato)? Qtas contas fake foram banidas? Dessas, qtas tinham ativ. política, favorecendo quais candidatos? Qtos tuítes ou retuítes foram gerados de cada uma?

PERGUNTAS PARA O FACEBOOK: Por que a empresa não informou ao TSE o impulsionamento de conteúdo pro-Bolsonaro feito por Luciano Hang, que já foi multado por isso? Qto foi gasto em impulsionamento no Facebook que levava o usuário a conteúdos referentes a Bolsonaro?

Quantas visualizações, cliques, curtidas e comentários foram recebidas por meio de impulsionamento pago no Facebook e Instagram relacionado a Jair Bolsonaro e Fernando Haddad?

Do DCM

Patrícia Campos Mello. Foto: Reprodução/YouTube

Patricia Campos Mello@camposmello

Twitter, Facebook e WhatsApp não respondem principais perguntas sobre seu papel na eleição brasileira – empresa não informa nem o impulsionamento pago por Luciano Hang, que foi multado pelo TSE https://www1.folha.uol.com.br/poder/2018/11/twitter-facebook-e-whatsapp-nao-respondem-principais-perguntas-sobre-seu-papel-na-eleicao-brasileira.shtml?utm_source=twitter&utm_medium=social&utm_campaign=comptw 

Twitter, Facebook e WhatsApp não respondem principais perguntas sobre seu papel na eleição brasil…

Google, Facebook, Twitter, Instagram e Whatsapp não responderam diversas perguntas que esclareceriam o uso das plataformas durante a campanha de 2018.

folha.uol.com.br

3 pensamentos sobre “Jornalista que denunciou esquema pró-Bolsonaro no WhatsApp aponta as falhas na investigação

  1. E como, Patricia, sem essas respostas todas, vc fez uma matéria confirmando o “inconfirmável” ? Nada justifica uma publicação tão vazia e comprometida às vésperas das eleições. Seu nome está marcado no meio das comunicações como exemplo de péssimo jornalismo. Quanto à Folha, só fez o que sempre fez, só que agora o leitor mudou e entende toda a manipulação.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s