PREVIDÊNCIA

Reforma da Previdência levará a uma tragédia, afirmam entidades em audiência

 Do Hora do Povo  

Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

Representantes de entidades de trabalhadores e de servidores públicos afirmaram, nesta segunda-feira, 5, que o atual texto da reforma da Previdência, que entrará em votação na Câmara dos Deputados, em segundo turno nesta semana, será uma tragédia para a maioria da população.

As afirmações foram feitas durante audiência pública na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), no Senado Federal, convocada pelo senador Paulo Paim (PT-RS).

Os presentes na audiência afirmaram que questões que afetam de forma grave os trabalhadores foram mantidas no texto, como o aumento da idade mínima, contribuição de 40 anos e a redução da pensão por morte.

Para o diretor da Associação dos Auditores Fiscais da Receita Federal, Mauro Silva, um servidor público teria uma redução de 61% no valor da pensão por morte.

Edson Índio, presidente da Intersindical (Central da Classe Trabalhadora) ressaltou que o texto da reforma é um retrocesso.

“Não podemos permitir que o país entregue a principal política pública que garante a dignidade humana do povo brasileiro (…). Esse texto aprovado no Plenário da Câmara é repleto de retrocesso social. Nós vamos abrir mão da principal conquista do século 20, que foi ter o direito de uma velhice com dignidade”, afirmou.

Também na audiência, o representante do Sindicato Nacional dos Procuradores da Fazenda Nacional, Achilles Linhares Frias, destacou que a reforma previdenciária na verdade não é uma reforma, mas uma extinção da Previdência Social.

“Como é que um trabalhador brasileiro que não consegue chegar aos 40 anos de contribuição vai se aposentar? Não se aposentará. E ainda terá de ter 65 anos de idade (…). Está condenado a trabalhar até morrer”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s