SAÚDE

Acharam que liberar geral ia ficar como? Brasil volta a registrar mais de 1 mil mortos em 24 h por Covid-19

Aumentaram o número de leitos em UTI e reduziram as regras de confinamento na mesma proporção. Resultado: Aumentou o número de contaminados e de mortos. Mas como o tal mercado exige e a grande mídia “passa o pano”.

E o que poderia reduzir o impacto, que é a testagem em massa da população, segue sendo privilégio de quem pode pagar R$ 250,00 por teste.

E ao mesmo tempo o Governo reduz de R$ 600,00 para R$ 300,00 o Auxilio Emergencial, obrigado cada vez mais gente a sair as ruas e se sujeitar a contaminação da qual só ficará sabendo se ficar a beira da morte e tiver que ir pro Hospital.

Segue matéria do DESACATO

A alta vem após 15 dias consecutivos de média diária em torno de 800 mortes. Com o acréscimo, o total de vítimas no país soma 143.962 vidas perdidas para a pandemia.

Foto: niaid

O Brasil teve 1.041 mortes por covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus, registradas oficialmente nesta quarta-feira (30). Foi o primeiro dia em que o número de vítimas da infecção voltou a superar a casa do milhar em mais de duas semanas, de acordo com boletim do Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass), divulgado no fim da tarde de hoje.

A alta vem após 15 dias consecutivos de média diária em torno de 800 mortes. Com o acréscimo, o total de vítimas no país soma 143.962 vidas perdidas para a pandemia.

Cientistas alertam para uma possível segunda onda de contágio, como já ameaça ser constatado em Manaus, por exemplo. Durante 12 semanas, o país sustentou média acima das mil mortes por dia.

O descaso do poder público aliado às aglomerações cada vez mais frequentes dos cidadãos forçam a curva de mortes para cima. Após novo declínio nas mortes, detectado a partir do início de setembro, o descaso foi generalizado. Praias lotadas, serviços não essenciais funcionando normalmente e cada vez mais pessoas sem máscaras pelas ruas das principais cidades brasileiras.

Em relação ao número de novos infectados, foram 32.554 nas últimas 24 horas. O total de doentes, desconsiderando a subnotificação, desde o início do surto, em março, é de 4.810.076.

Um pensamento sobre “Acharam que liberar geral ia ficar como? Brasil volta a registrar mais de 1 mil mortos em 24 h por Covid-19

  1. Alguma dúvida, de que a catástrofe gerada pela pandemia tem forte base no comportamento negacionista do próprio presidente Jair Bolsonaro ? Seus próprios apoiadores mais ferrenhos devem ser as maiores vítimas. Que Deus nos ajude!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s