Estado/Rio Grande do Sul

Sartori parcela salários de servidores de novo, mas RBS xinga Tarso que pagou Servidores em dia e investiu para o Estado crescer

Pois então… O Sartori e o PMDB estão enterrando o Rio Grande. A época de Tarso, do PT, servidores recebiam em dia e havia investimentos pelo Estado Inteiro. O Rio Grande cresceu mais do que o Brasil. Agora a economia daqui está disputando com a do Temer, pra saber qual cai mais a cada mês. Mas ontem a Zero Hora fez uma matéria dando pau no governo Tarso, por que usou um Banco Público para investir no RS, gerando empregos e aumentando a economia. Esta é a diferença entre os governos do PT, que investem para que haja empregos e salários dignos, e em dia, para todos. Já esta outra turma, a do PMDB,PSDB e quem anda com eles, faz o contrário. Defendem o Estado Mínimo, que não assume compromissos com o povo todo e muito menos com quem mais precisa. Eles defendem um Estado que pague dívidas e juros para banqueiros e grandes empresários ao invés de investir, fazer a economia do Estado crescer, gerar empregos e pagar salários em dia. Um dia o povo aprende.
Buenas, a matéria abaixo é da Zero Hora. Mas diferente daquela do link acima, que chamou  o Investimento no Desenvolvimento do Estado que o Tarso fez, de “calote”, e postou na capa, neste caso, como é contra o povo servidor público, aí não é calote, é “dificuldade do Estado” e vira um pedacinho de página interna.

sartori

Servidores estaduais receberão salários parcelados pelo 8º mês seguido

O Estado ainda define de quanto será a primeira parcela a ser depositada nas contas dos servidores. No entanto, a partir da avaliação do caixa nesta segunda-feira (26), a expectativa é de que no dia 30 sejam pagos R$ 800. Há a possibilidade de outros R$ 400 até o final da tarde. Já a quitação completa deve ocorrer até o final da primeira quinzena, após o aporte de recursos de ICMSprovenientes do comércio, telecomunicações, combustíveis e energia elétrica.

Esse é o oitavo mês consecutivo em que os servidores irão receber os salários parcelados. O Piratini admite que a situação deve ser mantida, pelo menos, até o final de 2016. Até o momento, também não há indicação de que haverá recursos para o pagamento do 13º salário.

Nesta segunda-feira (26), o governador José Ivo Sartori participou de um evento no Palácio Piratini para a regulamentação do Código Estadual do Meio Ambiente. Ao final, ele não parou para falar com a imprensa. Ainda assim, questionado sobre o parcelamento e decisões judiciais contrárias ao Estado, demonstrou contrariedade e não parou para responder. Uma repórter chegou a ser empurrada por um assessor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s