Lava Jato

Mais uma prova falsificada na Lava Jato: Uma conta de email sem uso

João Santana e Mônica Moura falaram as palavras mágicas: “Lula sabia” e “Dilma sabia”, e as portas da cadeia se abriram para eles. Mas como tem que ter provas, forjam-se as provas. São documentos sem assinatura e rasurados, apresentados descaradamente por um juiz como provas, é menção a dinheiro supostamente recebido pela Dilma Bolada (Personagem do Jeferson Monteiro) que o próprio já deixou claro que nunca recebeu  a agora aparece uma conta de email que a espertinha teria aberto em nome de Dilma. Dilma nunca autorizaria uma coisa destas. Simples assim. A Conta existe, mas não tem um email sequer publicado nela. Diz que só escreviam rascunhos. Mas não bastava só falsificar mais esta. A própria Monica deixa as marcas da falsificação. Baixaria pura. A Lava Jato inteira é baseada em delações obtidas deste jeito. E os corruptos se delatam são libertados, desde que entre os delatados esteja o Lula. E agora também a Dilma. Leia o esclarecedor artigo publicado no Debate Progressista , a partir de noticia do Estadão:

Segue a matéria:

Em acordo de delação premiada, Mônica Moura afirma ter criado um e-mail para troca de mensagens com Dilma Rousseff. A conta teria sido usada para que a presidenta alertasse a empresária sobre os avanços da Lava Jato.

Um print (figura abaixo) utilizado como prova no acordo de delação mostra um rascunho com a seguinte mensagem: “Vamos visitar nosso amigo querido amanhã. Espero não ter nenhum espetáculo nos esperando. Acho que pode nos ajudar nisso, né?”. Segundo a imagem, o rascunho foi elaborado no dia 22 de fevereiro.

printscreen

A prisão de Mônica Moura ocorreu no dia 23 de fevereiro de 2016. Porém a imagem mostra que o rascunho foi elaborado no dia 22 de fevereiro desse ano. O Gmail mostra isso no rascunho. Esse serviço de e-mail não indica o ano quando se trata de mensagens e rascunhos recentes.

A imagem poderia, sim, ter sido colhida no ano passado, mas a figura esconde uma outra ferramenta de datas disponível no computador onde a imagem foi criada: a barra de tarefas do sistema operacional, que é, sem dúvidas, o Windows – devido ao navegador utilizado, o Internet Explorer.

Abaixo, segue um exemplo de uma barra de tarefas do Windows:

barra

Outros questionamentos: Onde está a data no documento obtido no cartório? Por que está faltando a parte da direita do documento na imagem?

Portanto é evidente que Mônica Moura forjou essa prova no intuito de ser beneficiada pelo acordo de delação, pois basta citar de alguma forma o nome de Dilma Rousseff. Claro que basta, também, citar o nome de Lula, mas quem se encarregou disso foi o marido da empresária, João Santana.

Leia mais artigos sobre as falcatruas de Moro e da trupe do MPF, clicando nos links a seguir:

Reinaldo Azevedo: “Lula esta sendo julgado por um tribunal de exceção de banânia”

Dilma Bolada mostra a mentira da delação premiada de João Santana e Mônica

E tem até o Reinaldo Azevedo, um notório anti petista mostrando que Moro se baseia em provas falsificadas e testemunho de bandidos para tentar condenar Lula:

Reinaldo Azevedo: “Lula esta sendo julgado por um tribunal de exceção de banânia”

E tem também o artigo a seguir, dando conta da visão que a mídia internacional tem desta verdadeira caça ao Lula, feita no Brasil pela Rede Globo e seus comparsas no judiciário, no MP e na Polícia Federal:

MÍDIA ESTRANGEIRA DESTACA LULA COMO VÍTIMA DE PERSEGUIÇÃO

Um pensamento sobre “Mais uma prova falsificada na Lava Jato: Uma conta de email sem uso

  1. Tenho um pergunta, espero que vc consiga transmitir para os Golpistas…
    Sobre o e-mail supostamente falso
    Este é e-mail só terá validade se descobrimos quando foi criado.
    Veja se você concorda
    se este e-mai foi usado só para fazer rascunho porque na caixa de entrada não consta o e-mail de BOAS VINDAS do Google?
    porque ela deletou?
    Porque não está na caixa de entrada do Gmail?
    Quando a Mônica conversou pessoalmente com a Dilma? Segundo ela foi o dia que as duas criaram juntas.
    E nas minhas pesquisas isso aconteceu em 2014
    e de lá para cá nunca mais se viram

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s