Uncategorized

LAGUNA DOS PATOS E A FALTA DE GESTÃO HIDROGRÁFICA

Sustentabilidade e Democracia

Molhes Barra Rio Grande 09-11-09 2

Fotos: Molhes da Barra de Rio Grande/São José do Norte (fonte: Porto de Rio Grande)

Autor: Sandro Ari Andrade de Miranda, advogado, mestre em ciências sociais pela UFPel

Sempre que há um aumento das chuvas na região metropolitana de Porto Alegre, cresce a preocupação da defesa civil dos Municípios da Zona Sul do Estado, especialmente de Rio Grande e São José do Norte, que ficam na foz da Laguna dos Patos. A preocupação é procedente, na medida em que, em 2015, mesmo sem chuva nas duas cidades, as ruas foram tomadas pelas águas que não conseguiam superar o nível oceânico, o vento sul e a capacidade de vazão do canal portuário.

A verdade é que as águas de dois terços das águas do Rio Grande do Sul são direcionadas para a Laguna, mas não existe nenhum sistema de controle, planejamento ou de gestão deste importante patrimônio hídrico que sofre…

Ver o post original 321 mais palavras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s