Educação/Greve

Em assembleia, professores estaduais decidem por continuidade da greve

Professores levantam seus crachás na votação que deliberou pela continuidade do movimento grevista. Foto: Lucas Rohan/Sul21

Do SUL 21

Em uma assembleia que lota o Gigantinho, professores da rede estadual de educação decidiram, há pouco, pela continuidade por tempo indeterminado da greve que começou no dia 5 de setembro. A decisão – que foi a primeira pauta da convenção – foi tomada por ampla maioria. “Fora, Sartori”, cantavam os docentes, em comemoração pela decisão tomada. O conselho do Centro de Professores do Estado (Cpers/Sindicato) havia decidido, ontem, pela proposição da continuidade do movimento grevista. A paralisação está “fortalecida”, diz a diretoria do sindicato.

O evento começou um pouco depois das 9h desta sexta-feira, e decidiu-se também pela realização de uma marcha do Ginásio Gigantinho até o centro de Porto Alegre, ainda nesta manhã. Há também estudantes e membros de comunidades escolares na assembleia. O movimento vai se encontrar com diversas categorias do funcionalismo estadual para um ato unificado, a partir das 13h. Servidores da Polícia Civil e da Susepe se reúnem em frente à Secretaria de Segurança Pública a partir das 11h30, para depois também comporem o protesto com outros servidores.

Acompanhe, ao vivo, os protestos através do Sul21 por aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s