Lava Jato

Lava Jato é movida a propina: Dallagnol cobrou R$ 30 mil mais estadia no Beach Park por palestras

Propina: substantivo feminino- Suborno; valor em dinheiro oferecido ou pago a alguém para que esta pessoa pratique atos ilegais; quantia em dinheiro oferecida em troca de favores. Gorjeta; gratificação adicional paga a alguém pelos serviços prestados .( https://www.dicio.com.br/propina/ )

Print da Coluna de Mônica Bergamo – FSP 16/07/2019) .Dallagnol, segundo o Dicionário On Line, pediu Propina

É simples assim. PROPINA, mesmo que a grande mídia continue dourando a pilula da Lava Jato. Tem que ser anulada.

Nenhum agente público pode usar seu próprio cargo para ganhar dinheiro ou “lucrar” além do salário que ganha. E no caso de Procuradores e juízes o salario já é uma “baba” de dinheiro. E para ganharem e “lucrarem”, premiaram corruptores como prêmio e condenaram a quem lhes interessava sem provas, só baseados nas delações de quem premiaram com a liberdade.

O Procurador que assacou um Power Point sem nenhuma prova contra Lula, é flagrado no confessionário do Telegram dizendo que recebe uns “30 K” ( 30 mil reais e mais uma estadia em Resort de Luxo em troca de palestras em hora de serviço. O dicionário diz que isto é propina. O povo acha que isto é pilantragem e por isto o MP e o judiciário estão cada vez mais sujos que pau de galinheiro, abrindo o caminho pra definitiva instalação da barbárie e do fascismo, diante da conivência do STF e da PGR com as bandalheiras da Lava Jato.

Outras propinas já declaradas por Tacla Duran reaparecerão com clara evidência nos vazamentos. O judiciário que se recusou e recusa a ouvir a delação de Tacla Duran e esconde as tramóias da Lava Jato, foi também o instrumento usado para Selar o Golpe contra a Democracia que levou o país a desgraça que estamos vivendo, sem falar do apoio escancarado da grande mídia, que em parte resolveu aderir aos vazamentos “em conta gotas” de Greenwald e do Intercept. Vão cuspir fora Moro e Dallagnol como bagaço, mas tentar salvar a Lava Jato até a condenação de Lula e portanto mantê-lo preso.

Este comentário era só um introdutório ao artigo de Monica Bergamo na Folha de São Paulo de Hoje. Leia:

Procurador também cobrou cachê para fazer palestra no Ceará e depois fez propaganda para Sergio Moro aceitar convite parecido

procurador Deltan Dallagnol pediu passagem e hospedagem no parque aquático Beach Park para ele, a mulher e os dois filhos como condição para dar palestra sobre combate à corrupção na Fiec (Federação das Indústrias do Ceará), em julho de 2017. E cobrou cachê.

O procurador da Lava Jato Deltan Dallagnol – Gustavo Flauzino/Divulgação

TODOS NÓS

Ele discutiu o assunto num diálogo com a mulher obtido pelo The Intercept Brasil e analisado pelo site e pela Folha. “Posso pegar [a data de] 20/7 e condicionar ao pagamento de hotel e de passagens pra todos nós”, disse Dallagnol a ela.

VALE A PENA

Um mês depois, o procurador fez propaganda da Fiec para convencer o então juiz Sergio Moro a aceitar um convite da entidade.

DELÍCIA

“Eu pedi pra pagarem passagens pra mim e família e estadia no Beach Park. As crianças adoraram”, disse Dallagnol. “Além disso, eles pagaram um valor significativo, perto de uns 30k [R$ 30 mil]. Fica para você avaliar.”

SINAL VERDE

Na conversa com Moro, Dallagnol festejou ainda o fato de não ter sofrido punição de órgãos de fiscalização por dar palestras.

SINAL VERDE 2

“Não sei se você viu, mas as duas corregedorias —[do] MPF [Ministério Público Federal] e [do] CNMP [Conselho Nacional do Ministério Público]— arquivaram os questionamentos sobre minhas palestras dizendo que são plenamente regulares”, disse.Leia a coluna completa aqui.O site The Intercept Brasil divulgou diálogos que mostram que Sergio Moro (dir) e Deltan Dallagnol (esq) discutiam processos em andamento e comentavam pedidos feitos à Justiça pelo Ministério Público Federal enquanto integravam a força-tarefa da Lava Jato Montagem/Eduardo Anizelli/Folhapress e Agência Brasil

2 pensamentos sobre “Lava Jato é movida a propina: Dallagnol cobrou R$ 30 mil mais estadia no Beach Park por palestras

    • Tu tens as provas? Nem o Moro tinha. Condenou sem prova nenhuma. Ele disse na sentença que condenava Lula por “ato indeterminado”. Lê o processo.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s