privatização

Em liquidação internacional, Brasil esta a venda: Governo anuncia sequência de privatizações e concessões para 2021

Governo vai entregar para o setor privado mais de 50 empresas públicas no ano que vem, além de privatizar os Correios e a Eletrobras

Do Jornal GGN

Foto: Agência Brasil

O governo federal quer entregar para o setor privado mais de 50 empresas públicas no ano que vem, além de privatizar os Correios e a Eletrobras. De acordo o ministro de Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, o governo calcula receber R$ 137,5 bilhões.

O ministro não detalhou em quanto tempo o governo receberá essas quantias das concessões, somente que os contratos para que empresas privadas assumam os serviços públicos foram cobrados pela equipe econômica de Paulo Guedes e começam a valer a partir de 2021.PUBLICIDADE

Foram incluídas nesta lista o controle e administração de 23 aeroportos, 17 portos, 11 rodovias e 3 ferrovias. Tarcísio Gomes comemorou que se tratava do “maior programa de concessões do mundo”.

“São R$ 264 bilhões que serão contratados até o final de 2022. Temos certeza que conseguiremos entregar, pois temos o ‘portfólio’, excelentes ativos e uma estruturação sofisticada que ataca os principais riscos percebidos, fator de insucesso no passado”, afirmou o ministro.

O governo também anunciou uma série de privatizações para serem concluídas no ano que vem, após Guedes afirmar que se sentia “frustrado” por não ter conseguido realizar nenhuma privatização este ano.

Para 2021, Correios e Eletrobras devem ser vendidas dentro do Programa de Parceria de Investimentos (PPI), comandado pelo ministro Tarcísio Gomes de Freitas e com o aval de Guedes.

Além das duas estatais, devem ser vendidas a ABGF (Agência Brasileira Gestora de Fundos Garantidores e Garantias), Emgea (Empresa Gestora de Ativos), CeasaMinas, Trensurb (Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre), Companhia Brasileira de Trens Urbanos – MG, Codesa (Companhia Docas do Espírito Santo) e a Nuclep (Nuclebrás Equipamentos Pesados).Leia também:  Bolsonaro: “Finalzinho da pandemia” e “nosso governo foi que melhor se saiu”

Abaixo, as concessões listadas por Tarcísio Gomes:

Aeroportos

  • Bloco Sul: Curitiba (PR), Foz do Iguaçu(PR), Londrina (PR), Bacacheri em Curitiba(PR), Navegantes (SC), Joinville (SC), Pelotas (RS), Uruguaiana (RS) e Bagé (RS)
  • Bloco Norte I: Manaus (AM), Tabatinga (AM), Tefé (AM), Porto Velho (RO), Rio Branco (AC), Cruzeiro do Sul (AC) e Boa Vista (RR)
  • Bloco Central: Goiânia (GO), Palmas (TO), São Luís (MA), Imperatriz (MA), Teresina (PI) e Petrolina (PE)
  • Relicitação do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante (RN)
  • Alienação da participação da Infraero nas concessionárias dos Aeroportos Internacionais de Guarulhos (SP), Brasília (DF), Galeão (RJ) e Confins (MG). A Infraero contratou empresa especializada para a realização dos estudos e as vendas estão previstas para o 2º trimestre de 2021

Portos:

  • 4 terminais no Porto de Itaqui (MA)
  • 1 terminal no Porto de Santana (AP)
  • 1 terminal no Porto do Mucuripe (CE)
  • 3 terminais no Porto de Maceió (AL)
  • 2 terminais no Porto de Santos (SP)
  • 1 terminal no Porto de Areia Branca (RN)
  • 2 terminais no Porto de Vila do Conde (PA)
  • 2 terminais no Porto de Paranaguá (PR)

Rodovias:

  • Goiás e Tocantins: BR-153, BR-080, e BR-414
  • Mato Grosso e Pará: BR-163 e BR-230
  • Minas Gerais e Espírito Santo: BR-381e BR-262
  • São Paulo e Rio de Janeiro: BR-116 (Dutra) e BR-101 (Rio-Santos)
  • Rodovias Integradas do Paraná (6 lotes)
  • Rio de Janeiro e Minas Gerais: BR-116 e BR- 493

Ferrovias:

  • 2 concessões: Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL) e Ferrogrão
  • 1 renovação: Malha Regional Sudeste (MRS)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s