Eleições 2022/política/violencia

Bolsonarista assassina colega de trabalho a facadas por defender Lula. É preciso conter o Mal!

Benedito Cardoso dos Santos, de 42 anos, foi assassinado na manhã desta quinta-feira (8) por Rafael Silva de Oliveira, 24, que confessou o crime à polícia. Segundo a investigação, o crime ocorreu porque Oliveira, eleitor de Bolsonaro (PL), não gostou do fato de o seu colega de trabalho, dos Santos, ter saído em defesa do ex-presidente Lula (PT).

Em Julho publiquei aqui o artigo Bolsonarista assassinou petista em sua festa de aniversário, estampam manchetes da mídia mundial. De lá para cá já foram vários atos de violência cometidos por Bolsonaristas. Alguns devem ter sido contabilizados como crimes comuns, já que parcelas da polícia estão tomadas pelo mesmo mal e já banalizaram a violência e a morte.

Não dá pra banalizar o mal. O ódio e a violência política são fruto das pregações beligerantes feitas por Bolsonaro e apoiadas por pastores cristãos que como cristo, deveriam estar defendendo a paz mas disseminam o ódio aos diferentes.

Bolsonaro e seus sequazes são responsáveis por mais este de muitos crimes que já foram cometidos. Tentam impor o medo aos que não querem a guerra de morte que o miliciano prega.

Barrar o mal passa por Eleger Lula. Mas não basta. É preciso colocar o gênio do mal de volta na garrafa e descontaminar corações e mentes tomadas por um ódio inexplicável contra quem é e pensa diferente deles. (Comentário do Luiz Müller Blog)

Segue matéria do DESACATO

Benedito Cardoso dos Santos, de 42 anos, foi assassinado na manhã desta quinta-feira (8) por Rafael Silva de Oliveira, 24, que confessou o crime à polícia. Segundo a investigação, o crime ocorreu porque Oliveira, eleitor de Bolsonaro (PL), não gostou do fato de o seu colega de trabalho, dos Santos, ter saído em defesa do ex-presidente Lula (PT).

Segundo informações do RD News, Benedito e Rafael, que eram funcionários de uma agrovila na zona rural de Confresa (a 1.167 km de Cuiabá), discutiram por motivos políticos e, exaltado, Rafael, eleitor de Bolsonaro (PL), esfaqueou o colega, que defende o voto em Lula (PT).

Investigações da polícia apontam que a briga entre os dois teria começado na noite desta quarta-feira (7), dia em que o presidente Bolsonaro usurpou a data para fazer comícios eleitorais nos atos pelo 7 de Setembro. Porém, o corpo de benedito foi encontrado na manhã desta quinta pela sua chefe, que não teve identidade revelada.

Em depoimento à polícia civil, a mulher disse que perguntou a Rafael o que teria acontecido, visto que ele foi o último a estar com Benedito, mas, o suspeito deu uma resposta confusa que deixou a mulher desconfiada: Rafael disse que dois homens teriam invadido o local, executado Benedito e depois ainda teriam tentado matá-lo. Mas, logo depois de contar tal versão a sua chefe, Rafael pediu um adiantamento, ou seja, tinha a intenção de fugir. Foi neste momento que a mulher resolveu chamar a polícia.

Outro fato que chamou a atenção da responsável pela agrovila, é que Rafael tinha sangue nas roupas, cortes nos supercílios e arranhões pelo corpo.

Rafael foi preso em flagrante e confessou o crime em depoimento à polícia. Em seu relato, o bolsonarista declarou que “acabou saindo de si e matou seu colega com golpes de faca”. Mesmo com o crime confesso, a Polícia Civil continua investigando o caso.

Segundo o delegado Victor Oliveira, da Delegacia Municipal de Confresa, a motivação do crime foi ódio político. Ao Mídia News, Oliveira pediu aos eleitores para evitarem confronto direto.

“As pessoas têm que ter mais diálogo, sem agressividade e evitar esse tipo de comportamento. Esse tipo de discussão, se não tiver diálogo, melhor evitar”, disse o delegado Victor Oliveira.

O assassino bolsonarista será indiciado por homicídio duplamente qualificado, por motivo fútil e meio cruel.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s