jUDICIÁRIO

Facção criminosa tenta levar casos do PCC ao STF

A matéria que reproduzo a seguir, e a machete acima, foram publicadas pelo Estadão em 2013. Mas dá pelo menos para fazer pensar. Ou não?? De lá pra cá “muita água já rolou” e até um golpe parlamentar com apoio do STF derrubou uma presidenta honesta…

pccA ação dos bandidos foi detectada pela primeira vez em 2010, após registrarem dificuldade de obter benefícios para presos no Estado 

Por Bruno Paes Manso e Marcelo Godoy ,

12 Outubro 2013

O crime organizado quer influenciar as decisões do Supremo Tribunal Federal e se infiltrar na corte. É o que demonstram as interceptações telefônicas feitas pelo Ministério Público.

A ação dos bandidos foi detectada pela primeira vez em 2010 e envolveu uma articulação entre pelo menos dois integrantes da Sintonia Final Geral, a cúpula da facção, e advogados que trabalhariam para a Sintonia dos Gravatas, o departamento jurídico do PCC.

No dia 28 de agosto de 2010, à 0h46, Daniel Vinícius Canônico, o Cego, conversou com uma advogada identificada pelo MPE como Maria Carolina Marrara de Matos. Ele reclama de que dificilmente um benefício legal é concedido aos detentos da Penitenciária 2 de Presidente Venceslau, onde está a maior parte da cúpula da facção.

A advogada revela então o plano de reunir diversos recursos negados pela Justiça de São Paulo aos integrantes da facção, como pedidos de concessão do regime semiaberto. Diz a Cego que o “irmão” dela “foi chamado para trabalhar com um ministro, o (Ricardo) Lewandowski”.

O Estado procurou entre os funcionários do gabinete do ministro algum que tivesse o mesmo sobrenome. Não encontrou. Também procurou a advogada nesta sexta-feira. Ela negou que conhecesse alguém no STF. Disse que seu irmão não trabalha lá. “A acusação é um absurdo e eu tenho como provar”, disse.

No telefonema, Cego pede que a advogada faça o que propõe e ela afirma que vai a Brasília falar com o ministro. Não há nenhuma indicação na investigação de que a conversa realmente tenha ocorrido.

Em 15 de setembro de 2010, os investigadores surpreenderam um dos maiores traficantes do PCC, Edilson Borges Nogueira, o Biroska, pedindo para sua mulher que procurasse uma advogada identificada como Lucy de Lima. A advogada devia contatar um político de Diadema, no Grande ABCD, para que ajudasse a obter benefícios no cumprimento de sua pena.

O político era um vereador da cidade – Manoel Eduardo Marinho. Ao Estado, Maninho disse que teve contato com Biroska apenas quando era criança, pois o pai dele (“Seu Nonô”) era guarda da prefeitura de Diadema e o irmão é metalúrgico. Maninho militou no sindicato dos metalúrgicos. “Repudio o PCC, mas gosto muito de seu Nonô.” Maninho negou que tenha sido procurado pela advogada.

Biroska queria que o vereador testemunhasse em seu favor. A investigação não detectou se o político foi contactado pelo PCC. Biroska é o chefe do tráfico em Diadema. Dias antes (24 de agosto), Biroska conversa com uma mulher identificada como a advogada Lucy. Ela trata do recurso que está tentando para ajudar seu cliente e afirma que vai se encontrar com um ministro do STF. Ela quer tratar de um habeas corpus cujo relator, segundo o MPE, era Joaquim Barbosa – o ministro negou o habeas corpus.

Resistência. O Estado procurou ainda a advogada Lucy e deixou recado no telefone celular. Nenhuma das advogadas foi denunciada pelo MPE. A tentativa de influenciar os tribunais superiores teria como objetivo vencer as resistências encontradas pelos bandidos para a concessão de benefícios.

 

4 pensamentos sobre “Facção criminosa tenta levar casos do PCC ao STF

  1. Pra quem não tem ENTENDIMENTO,as coisas parecem não estarem indo na direção correta,mas INFELIZMENTE estão.Os criminosos que não PRESTAM,e coisa que não presta deve estar no lixo,estão indo procurar no Lixo aquilo que precisam.
    Salve o presidente Temer,que DARÁ aquilo que o povo(idiotizado e emburrecido) merece.

    Curtir

  2. Pingback: Facção criminosa tenta levar casos do PCC ao STF | ALÔ BRASIL

  3. EM BREVE TERÁ LÁ UM REPRESENTANTE A ALTURA!!!
    VIVA O PCC!!! RS RS RS
    TAMO FUDIDO!

    ASSIM É. PAÍS SEM PUDOR! O EX-ADVOGADO DO PCC É INDICADO PELO TEMEROSO ACIDENTE PAVOROSO PARA O STF. PUTAQUEOPARIU!
    > https://gustavohorta.wordpress.com/2017/02/06/assim-e-pais-sem-pudor-o-ex-advogado-do-pcc-e-indicado-pelo-temeroso-acidente-pavoroso-para-o-stf-putaqueopariu/

    “PUTAQUEOPARIU!!!!
    O FUNDO DO POÇO É MESMO UMA FOSSA NEGRA. E ELA ESTÁ CHEIA DE MERDA!!
    O CARA ERA ADVOGADO DO PCC.

    O GERALDO ALCKMIN FEZ O ACORDO COM O PCC E O ELEVOU À CATEGORIA DE SECRETÁRIO ESTADUAL DE SEGURANÇA DE SP.
    AÍ VEIO O GOLPE DE ESTADO E O EX-ADVOGADO DO PCC VIROU MINISTRO DA JUSTIÇA DO TEMERÁRIO ACIDENTE PAVOROSO.
    AGORA O TEMERÁRIO ACIDENTE PAVOROSO INDICA O EX-ADVOGADO DO PCC PARA SER MINISTRO DO SUPREMO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO PAÍS!

    PARA O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL. PUTAQUEOPARIU!!!!

    O FUNDO DO POÇO É UMA FOSSA CHEIA DE MERDA!! …”

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s