Uncategorized

OPOSIÇÃO OU SECTARISMO EM RIO GRANDE/RS

Sustentabilidade e Democracia

zoom_4cdd91e675a4e

Foto: Visão da cidade de Rio Grande/RS (fonte: divulgação)

 

Autor: Sandro Ari Andrade de Miranda, advogado, mestre em ciências sociais

Como militante político, primeiro no movimento estudantil, depois no movimento ecológico, fiz muito trabalho de oposição ao longo da minha vida. Foram pautas em defesa do ensino público, gratuito e universal, pela ampliação do serviço público de saúde, defesa dos consumidores, proteção do Bioma Pampa, da Laguna dos Patos, de animais e espécies da biodiversidade, dentre outras. É óbvio que lutar por alguma pauta significa se opor a outra. Defender a CORSAN como instituição pública, por exemplo, é se opor à sua privatização. Chamo isto de oposição programática, pois por existem conceitos, valores e princípios sendo defendidos. O ideal de uma CORSAN pública significa que a água é um bem essencial, o acesso à água um direito fundamental, motivo pelo qual a sua gestão deve ser orientada…

Ver o post original 436 mais palavras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s