jUDICIÁRIO

Presidente do TRF 4 se queixa de “ameaças”. Pois então, que diga quem as fez (Ou é só por “convicção” também?)

TRFO

A maior ameaça ao judiciário são as sentenças emitidas por “convicção” de Sérgio Moro

Presidente do TRF 4 se queija de “ameaças”. Que diga quem as fez. Por que o maior perigo para o judiciário é  manter a absurda sentença de Moro condenando Lula sem uma prova sequer. E se não bastasse Moro reconhecer isto em sua sentença, a recente decisão de Juíza da Brasília arrestando o apartamento em garantia de uma dívida da OAS evidencia não só a falta de provas, mas até mesmo de objeto. Lula não é o dono do apartamento mesmo. Como então poderia ser beneficiado por supostas melhorias feitas no tal apartamento?

Na verdade o que o Presidente do Tribunal quer é semear clima de intrigas e tentar gerar desconfiança e se possível a violência que lhe viria a calhar para continuar na senda de perseguição não só a Lula, mas aos Movimentos Sociais, que estarão em massa m Porto Alegre em solidariedade a Lula. Não vai levar. Não é prática dos Movimentos Sociais o uso da violência.

Mas parece ser desejo dos governantes de plantão semear o medo e em não funcionando o medo, impor a violência. Ou o que dizer da retirada de milhares de brigadianos do interior do Estado e do Litoral, deixando a já combalida segurança de veranistas e moradores mais frágil ainda, a mercê de bandidos enquanto os brigadianos mal pagos são postos de prontidão forçada na Capital para proteger o que de quem mesmo?

A tentativa do Presidente do Tribunal parece ser a de incriminar antecipadamente as milhares de pessoas e movimentos sociais que vem a Porto Alegre, criando nos soldados tirados de suas férias e de suas regiões normais de trabalho a desconfiança e o ódio necessário para acharem que qualquer grito de palavra de ordem seja agressão.

O Judiciário tenta criar as condições para manter e aprofundar o Estado de Exceção, ou no popular, a ditadura da toga, instituído no país a partir da grande farsa da Lava Jato.

Os três desembargadores que vão decidir pela anulação ou manutenção da Sentença de Moro condenando Lula sem nenhuma prova, poderão anular a sentença e colocar o judiciário na linha e dar a tranquilidade que o Brasil precisa para retomar a democracia e o Estado de Direito ou então manter a Sentença e aprofundar  o fosso que separa o Brasil da Democracia e os brasileiros do Estado de Direito.

A maior ameaça ao Judiciário e as Leis é a Condenação Sem Provas de qualquer cidadão.

Um pensamento sobre “Presidente do TRF 4 se queixa de “ameaças”. Pois então, que diga quem as fez (Ou é só por “convicção” também?)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s