privatização/Rio Grande do Sul

4º poder gaúcho: RBS lança vale tudo que inclui caixinha para compra de deputados, chantagem e liberação de CCs do governo

A RBS não esconde mais que tem lado. Foi pro vale tudo com os gaúchos. Na maior cara de pau anuncia a instalação de caixinha de empresários para compra de Deputados, aplaude a liberação de CCs que deveriam estar cumprindo tarefas administrativas do Estado e segue a chantagem sobre os deputados gaúchos. Querem a privataria instalada a qualquer custo no RS. Nem é preciso escrever muito. A própria garota de recados da RBS estampa em sua página a oferta dos empresários a deputados que estejam dispostos a entregar as Estatais gaúchas a iniciativa privada, estrangeira aliás. E pior, aplaude a liberação de funcionários públicos com salários pagos pelo erário para ir a Assembléia atacar os que defendem o futuro do Rio Grande contra as aves de rapina da privataria. A mídia guasca, envolvida até o pescoço na Operação Zelotes por não pagamento de impostos perdeu o pouco de compostura que ainda tinha e foi pra baixaria total. É só ler o que a própria escreve:

Compra de deputados

CCs Sartori

Zero Hora editorial

Se a venda destas Estatais passar, pode até ser que o Bolso de um ou outro Deputado fique mais gordo. Mas na história ficarão lembrados como aqueles que entregaram o futuro do Rio Grande. Nesta Segunda-Feira a RBS fez chantagem explicita através das páginas da Zero Hora e também nos programas da TV e de suas muitas rádios espalhadas pelo RS. Fez uma chantagem ainda mais explícita contra Deputados do PDT, que no entanto, seguindo o ideário de Brizola, se posicionaram contra a entrega do futuro do Rio Grande. Os gaúchos esperam que todos resistam diante desta vergonhosa chantagem promovida pela RBS.

Um pensamento sobre “4º poder gaúcho: RBS lança vale tudo que inclui caixinha para compra de deputados, chantagem e liberação de CCs do governo

  1. Não esqueçamos que além das astatais CEEE, Sulgás e CRM, tem a Procergs, um Data Center com as informações do cidadão riograndense, o valor deste banco de dados para o empresariado capitalista é incomensurável… aprovada a retirada do plebiscito, não tenho dúvidas que esta será a empresa “carro chefe” nas negociações da direita fascista e conservadora deste estado… Não me espanto com esta postura da RBS, sempre foi assim, mas “o povo mais politizado do Brasil” preferiu isso, elegendo Sartori, Lasier e Ana Amélia…

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s