política/Uncategorized

Receita para transformar o limão da derrota na Câmara numa revigorante limonada para a oposição, descrita em nota dos partidos

Ver o PSDB, o MDB e o Cidadania junto com o PT, PCdoB, PDT e PSB defendendo a democracia no processo eleitoral e se posicionando contra o golpe de novo Presidente bolsonarista da Congresso pode ser o sinal de que a Política esta voltando. Não é tão simples como parece, já que Bolsonaro elegeu os Presidentes do Senado e da Câmara Federal e controla a pauta de votações. Mas algo até previsível diante da compra desenfreada de votos realizada por Bolsonaro, gastando Bilhões de Reais em Emendas para os Deputados que poderiam ser convertidos em vacinas e outros instrumentos de combate a pandemia.

Por outro lado, diante do golpe do Presidente Bolsonarista a democracia da Câmara, excluindo o PT e parte da oposição dos cargos na mesa, é muito simbólica a nota assinada pelo Bloco de partidos que bancou a eleição de Baleia Rossi.

Com o golpe, fica claro o objetivo do bolsonarismo de criar uma ditadura enrustida, usando-se de subterfúgios como este do suposto atraso na inscrição dos candidatos da oposição para os cargos.

Caberá a oposição no Congresso permanecer tão unida quanto as assinaturas sobrepostas a nota, pelo menos em pontos chaves, como a volta a Vacinação em Massa, a volta do Auxilio Emergencial a base do Imposto Sobre Grandes Fortunas e não sobre outro imposto generalizado tipo a CPMF.

O Limão pode ser transformado em limonada e a receita esta na junção das assinaturas da Nota a seguir, também em outras ações em defesa da democracia, da soberania nacional e do povo brasileiro.

Leia artigo do PT na Câmara e a “NOTA DO BLOCO PARTIDÁRIO QUE DEU APOIO À CANDIDATURA DE BALEIA ROSSI

Partidos que apoiaram Baleia Rossi repudiam ato autoritário de Arthur Lira e recorrem ao STF

Foi a desmoralização mais rápida de um discurso que já se viu. A única voz que o mesmo aceita que se ouça na Mesa Diretora da Câmara é a voz daqueles que com ele concordam. A insistir nesse caminho, perderá qualquer condição de presidi-la, já que seu primeiro ato desacredita o que acabara de dizer: que decidiria com imparcialidade, diz nota dos partidos 

O Bloco partidário que deu apoio à candidatura do deputado Baleia Rossi (PMDB-SP) à presidência da Câmara repudiou hoje (2), em nota, o “ato autoritário, antirregimental e ilegal” praticado pelo novo presidente da Casa, Arthur Lira (PP-AL).

Em uma canetada só, resolveu indeferir o  bloco formado pelo PT, MDB, PSDBPSBPDTSolidariedadePCdoB, Cidadania, PV e Rede, alterando toda a formação da Mesa Diretora previamente acordada entre os líderes e desconsiderando todas as candidaturas eleitas.

Os dez partido anunciam que vão recorrer ao Supremo Tribunal Federal da decisão arbitrária do novo presidente da Câmara, eleito por interferência do presidente Jair Bolsonaro, que é acusado por oposicionistas de ter usados bilhões de reais em recursos públicos para a compra de votos para seu candidato.

Leia artigo do PT na Câmara e a

“NOTA DO BLOCO PARTIDÁRIO QUE DEU APOIO À CANDIDATURA DE BALEIA ROSSI

Os partidos que se uniram em torno da defesa de uma Câmara livre e independente repudiam, com a mais intensa veemência, o ato autoritário, antirregimental e ilegal praticado pelo deputado Arthur Lira. A eleição é una: não se pode aceitar só a parte que interessa. Ao assim agir, afrontando as regras mais básicas de uma eleição – não mudar suas regras após a sua realização -, o referido deputado coloca em sério risco a governabilidade da Casa.

A insistir nesse caminho, perderá qualquer condição de presidi-la, já que seu primeiro ato desacredita o que acabara de dizer: que decidiria com imparcialidade. Foi a desmoralização mais rápida de um discurso que já se viu. A única voz que o mesmo aceita que se ouça na Mesa Diretora da Câmara é a voz daqueles que com ele concordam. Os que ousam defender uma Câmara altiva ele quer calar, já em seu primeiro movimento, tentando esmagar a representatividade de nossos partidos e de nosso bloco.

Não aceitaremos. Vamos ao Supremo Tribunal Federal em defesa da democracia e do Parlamento brasileiro.

Brasília, 2 de fevereiro de 2021

Líderes e parlamentares do PT, MDB, PSB, PSDB, PDT, PCdoB, CIDADANIA, PV e REDE”

Do PT na Câmara 

Um pensamento sobre “Receita para transformar o limão da derrota na Câmara numa revigorante limonada para a oposição, descrita em nota dos partidos

  1. Pingback: Receita para transformar o limão da derrota na Câmara numa revigorante limonada para a oposição, descrita em nota dos partidos — Luíz Müller Blog | Gustavo Horta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s