Porto Alegre/privatização/trabalho

No 1º de Maio de Porto Alegre, 59 toneladas de Solidariedade contra a fome e luta contra a Privataria da CARRIS (Vídeos)

Dois Atos marcaram o 1º de Maio em Porto Alegre. Pela manhã, em Ato das Centrais Sindicais, o símbolo maior foi a chegada de 10 Caminhões com 59 toneladas de alimentos do MST e a tarde, Ato Contra a PRIVATARIA na CARRIS. Tive oportunidade de Cobrir os dois atos. Pela manhã, fizemos a transmissão ao Vivo do Ato das Centrais pela Rede Soberania e Brasil de Fato RS.

Com a tragédia do bolsonarismo se abatendo sobre o país, não só a Pandemia do COVID esta matando pessoas. A fome também voltou a matar, por que o único projeto Econômico de Bolsonaro e Guedes é entregar Bens, riquezas e serviços até então públicos, para a a inciativa privada. Além disto retiram recursos até mesmo para investimentos fundamentais, como Infraestrutura, educação, saúde, pesquisa e Ciência e Tecnologia. Fazem o inverso de todos os demais países ricos do mundo. O Brasil aliás, era a 6ª economia do mundo em 2015 e tínhamos empregos e salários dignos e a Extrema Pobreza e a miséria haviam sido erradicadas. Com a Política implementada por Guedes e pela destruição da Industria Nacional, promovida pela criminosa operação Lava Jato, caímos para 12ª economia do mundo e os empregos e salários dignos agora são para muito poucos. A Miséria voltou com números assustadores, inclusive na Porto Alegre do Bolsonarista Sebastião Melo e do Governador tucano Eduardo Leite.

Por isto, a simbólica e robusta Solidariedade dos Agricultores Familiares do MST, doando 59 Toneladas de Alimentos para serem doados as populações mais sofridas é tão importante e mostrada com destaque na Transmissão que fizemos lá do largo Glênio Peres.

O Outro Ato, foi de Luta Concreta dos trabalhadores urbanos contra a Privatização da CARRIS, a mais antiga Empresa de Transporte Público do Brasil, criada em 1872 por Dom Pedro II. A Privatização da CARRIS é um ataque a Economia do Município e dos cidadãos de Porto Alegre. Empresa foi considerada por anos a fio a melhor empresa de transporte público do Brasil e em 139 anos nunca deixou de dar retorno a População e mesmo assim dar lucro. A empresa passou a ser atacada “por dentro”, através de gestões propositalmente desastrosas nos últimos 10 anos. Tão desastrosas a ponto da Justiça ter constatado até mesmo dinheiro da empresa sendo indiretamente repassado a campanha do PMDB do Prefeito Melo.

O “prejuízo” provocado pela própria turma dele na CARRIS, é o argumento que Melo dá agora para PRIVATIZAR a empresa ou em não conseguindo, ENTREGAR AS LINHAS LUCRATIVAS e ficar só com as deficitárias.

Para tempos de Pandemia, o Ato da Carris foi muito representativo, com Funcionários da Empresa, Políticos de Vários Partidos e representantes de mais de 50 categorias e entidades profissionais e dos Movimentos Sociais. Seguem os links para as Simbólicas transmissões que ajudei a fazer ontem. Os 2 vídeos seguintes são destaques de minutos da transmissão inteira.

Abraço a CARRIS marcou inicio da Campanha contra a Privatização da Empresa
E a transmissão do Ato de 1º de Maio, com destaque para a Chegada dos Caminhões com Alimentos dos Agricultores do MST para doação aos trabalhadores urbanos que voltaram a miséria e a fome.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s