Cooperativismo/economia/Rio Grande do Sul

Terra Livre de Agrotóxicos e de Bancos privados é possível? Parceria entre COOTAP e CRESOL mostra que sim

Contrato de Financiamento para CUSTEIO da Produção (Sementes, Plantio, óleo para as máquinas, etc…) de R$ 2 milhões de Reais assinado entre CRESOL e COOTAP nesta-Quinta Feira(13/08)

OLIMPIO Wolfardt da CRESOL, assinando o Contrato e liberando o financiamento do Custeio para a produção de Arroz Agro Ecológico.

Terra Livre é a Marca do Arroz Agro Ecológico e de tudo e que é produzido e industrializados pela COOTAP de Eldorado do Sul na região metropolitana de Porto Alegre.

A COOTAP é ligada ao MST, que tem avançado em apoio e parcerias que já o fazem o maior Produtor de Arroz Agro Ecológico da América Latina e um dos maiores do mundo.

Para quem acompanhou as lutas pela Reforma Agrária que deram origem ao MST no começo dos anos 80, ainda se surpreende do que a COOPERAÇÃO e a SOLIDARIEDADE são capazes de Construir. A COOTAP é filha, irmã de muitas outras, daquelas lutas.

O trabalho e a produção destes agricultores que ajudam a enriquecer (literalmente) a região metropolitana de Porto Alegre, merece ser conhecida e consumida.

Presidente da COOTAP fala sobre a Parceria entre as Cooperativas e a importância de trazer cada vez mais operações bancárias para a CRESOL

A CRESOL também é fruto da COOPERAÇÃO e SOLIDARIEDADE dos Agricultores Familiares que apesar de produzirem 70% dos alimentos que consumimos, muitas vezes tinham dificuldade de acesso a Crédito para financiar a Produção.

Nada diferente do que acontece com os Micro e pequenos empresários urbanos, muitas vezes obrigados a desbravar o caminho do empreendedorismo por causa da necessidade gerada pelo desemprego ou pelos baixos salários.

A CRESOL, com mais de 25 anos de existência, acaba de fincar raízes em Porto Alegre e na Região Metropolitana.

Tive oportunidade de participar da Assembleia Geral da COOTAP, onde um dos pontos foi a Assinatura de um Contrato de Financiamento para CUSTEIO da Produção (Sementes, Plantio, óleo para as máquinas, etc…) de R$ 2 milhões de Reais. Um valor alto. Parece até valor alto inatingível para pequenos produtores individuais ou urbanos. Mas aí é que esta: A União faz a Força. E esta é a principal força do Cooperativismo e do associativismo ou mesmo de parcerias: Ele permite que o pequeno passe a se qualificar e disputar mercados antes impensáveis.

A CRESOL, surgida com o mesmo espirito, é um “BANCO ONDE O CORRENTISTA É SÓCIO E DONO”, como muitos associados dela afirmam.

E se por um lado ela financia valores como estes da COOTAP, de R$ 2 milhões, o que ela faz muito também, é financiar os micro, pequenos e empresários individuais, que muitas vezes precisam de não de 2 milhões, mas de 2 ou 3 mil reais para comprar uma máquina ou comprar matéria prima.

Lembra do título deste artigo ali em cima? Funcionando assim como a CRESOL funciona, quem precisa dos Bancos e dos banqueiros que só oferecem crédito quando o cara já tem dinheiro e não precisa e quando falta dinheiro, também lhe cortam ou encarecem as formas de crédito e financiamento?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s