mídia

Mobilizações de 2013 e 2016: As falsas versões da grande mídia, mentiras repetidas milhares de vezes

folha

A imagem do Falando Verdades é de Editoriais da Folha quando das mobilizações de 2013 e de 2016. Lembrando que em 2013 o Brasil foi literalmente incendiado por bandidos fantasiados de black bloc e pela virulência policial contra os movimentos que ingenuamente serviram de suporte para a intentona golpista daquele ano. Em 2013 centenas de feridos, presos e até jornalista assassinado. Nas mobilizações de 2016, contra o golpe, pacíficas com milhares de pessoas, só de parte de alguns manifestantes mais exacerbados, umas latas de lixo queimadas. Mas eis que a gente vê que tais manifestantes mais exacerbados estão é fazendo o jogo de cena necessário para que a mídia dê a sua versão. E a versão é que 100 mil pessoas na paulista ou as milhares de pessoas, jovens e mulheres indo as ruas do Brasil, com reivindicação de democracia, são na verdade “fascistas”, o que de novo serve para justificar a ação virulenta da polícia. Pois então. Vivemos a ditadura do judiciário e do ministério público, ou estes são subservientes da grande mídia golpista, que mente de forma contumaz, fugindo da sua responsabilidade, que é a de bem informar as pessoas? Afinal, a grande mídia, com o seu agir, incita a violência e viola a lei de concessões, no caso de rádios e TVs. Mas o que se vê de parte do MP e do Judiciário, é só uma insana perseguição ao Lula, depois de já terem golpeado a democracia e derrubado a Dilma.

E a mídia continua rezando a cartilha de Goebels: “repetir a mentira milhares de vezes pelos meios de comunicação, a torna verdade para o senso comum”.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s