Uncategorized

Filha de Fernandinho Beira-Mar assumirá mandato como vereadora

Aos 32 anos, Fernanda Costa ocupará uma vaga na Câmara Municipal de Duque de Caxias pelo PP, em função do afastamento de Sebastião Ferreira da Silva, acusado de envolvimento com a milícia.

Da Revista Fórum

Dra. Fernanda Costa (PP), nome pelo qual foi registrada na urna eleitoral, vai assumir uma cadeira na Câmara Municipal de Vereadores em Duque de Caxias, no Rio de Janeiro. O fato curioso é que ela é filha do traficante Fernandinho Beira-Mar, de 50 anos, preso desde 2002. Suas condenações somadas chegam a 350 anos de prisão.

Fernanda, de 32 anos, chega à Câmara em consequência do afastamento de Sebastião Ferreira da Silva (PP), o Chiquinho Grandão. Acusado de envolvimento com a milícia, ele teve a prisão preventiva decretada quinta-feira pelo juiz Alexandre Guimarães Gavião Pinto.

Ela se candidatou pela primeira vez em 2016. Ao Tribunal Superior Eleitoral, a cirurgiã-dentista declarou ter bens avaliados em R$ 140 mil. Não se elegeu, mas os 3.098 votos lhe garantiram a suplência. Pela Lei Orgânica do Município, assumirá o mandato 120 dias depois do afastamento de Chiquinho Grandão.

Ainda solto, Chiquinho Grandão afirmou não ter sido notificado oficialmente e que sua prisão preventiva é uma injustiça. “Estou com recurso na segunda instância. E agora justamente a primeira instância expede o mandado de prisão de um habeas corpus que era para ser cumprido em 2015. É muito estranho. A vontade dos meus adversários de me ver preso não vai prevalecer”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s