Ditadura/Fascismo/jUDICIÁRIO

Dias depois de gravar vídeo com denúncias contra Globo, Garotinho é preso com esposa

O Quarto Poder manda no Brasil e submete o poder judiciário a sua ditadura. Este blogueiro não gosta do Garotinho. Mas nem por isto apóia a prisão ilegal dele e de sua esposa.A ditadura do judiciário esta instalada.  Assim é também com a prisão dos Deputados do Rio de Janeiro. Não é por que a gente acha e até sabe que eles são corruptos, que a gente pode concordar com prisões preventivas sem prévio julgamento e pior, sem o direito a defesa.  Os métodos do Judiciário e do Juiz Bretas no RJ, são os mesmos de Moro na república de curitiba. Todo este circo de prender vários, tem o objetivo de mostrar a força do judiciário diante da lei. Não há lei. Há juízes mandando por suas convicções. Os que hoje aplaudem, amanhã chorarão, por que quando a justiça, que deveria proteger a lei, a abandona em troca de convicções de juízes e procuradores, sucumbe o Estado de Direito, e se hoje uns são atingidos, amanhã poderão ser os que hoje aplaudem esta barbárie. A Globo esta mais suja que pau de galinheiro, envolvida até o pescoço na corrupção do futebol, mas quem vai preso é Garotinho, que denunciou a Globo. Acorda Brasil. O fascismo esta crescendo e cresce mais diante de cada aplauso a medidas que vão contra a constituição de 1988, que deveria estar valendo,mas que é subvertida por juízes com o beneplácito e sob o aplauso da máfia midiática. Assino em baixo do artigo escrito por 

O regime de exceção avança de maneira muito feroz no Brasil, e, em particular, no Rio de Janeiro. O casal Garotinho, Anthony e Rosinha, ambos ex-governadores do estado, foram presos nesta manhã de quarta-feira.

A prisão é um arbítrio absurdo, porque ainda não há sentença transitado em julgado. Garotinho e esposa são políticos extremamente conhecidos no estado. Foram eleitos diversas vezes pela população fluminense, sempre com votações muito expressivas, para cargos de responsabilidade. Tem residência fixa.

Não há necessidade alguma de uma prisão cautelar.

É mais um caso de prisão cautelar, decretada imperialmente por um judiciário que parece só obedecer às diretrizes políticas da Globo.

Certamente não é coincidência que a prisão de Garotinho aconteça dias depois do deputado gravar um vídeo com denúncias contra a Globo.

Há ainda um outro fator: Garotinho também tem denunciado os Sveiter, em especial o desembargador fluminense, que já foi presidente do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e do Supremo Tribunal da Justiça Desportiva. Os Sveiter são antigos advogados da Globo.

A prisão parece ser uma vendeta da Globo e dos Sveiter contra Garotinho.

Ainda mais porque não há flagrante de nada. E a acusação do ministério público contra o casal é extremamente frágil: compra de voto, por causa de programas sociais, em especial o cheque-cidadão, implementados pelo governador.

No Brasil do golpe é assim.

O governo Temer pode entregar o pré-sal aos estrangeiros; ser convencido, por lobistas britânicos, a acabar com o programa de conteúdo nacional; reduzir as exigências ambientais cobradas às petroleiras internacionais.

Temer pode – na maior pedalada fiscal da história – roubar centenas de bilhões de reais do BNDES, que poderiam ser usados para gerar empregos e investir em infra-estrutura, para incinerá-los no buraco sem fundo da dívida pública.

Isso pode.

O que derruba uma presidente eleita com 54 milhões de votos é “pedalada fiscal” para emprestar dinheiro ao governo, por alguns dias, para se pagar bolsa família…

O que dá prisão a um dos políticos mais votados do estado, junto com sua esposa, é um programa para se emprestar dinheiro, a juro baixo, aos mais pobres.

A cortina de fumaça para se abafar tanto as denúncias de corrupção da Globo como as do lobby britânico para se comprar o pré-sal, se torna cada vez mais espessa.

A condução da ex-governadora Rosinha Garotinho a um presídio, por sua vez, não tem outro nome: é terrorismo de Estado.

Na falta de pão, o golpismo midiático-judicial precisa intensificar o circo.

É preciso lançar mais carne humana aos leões da opinião publicada.

***

Abaixo, a nota de Garotinho, divulgada há pouco à imprensa:

Nota oficial de Garotinho

Querem calar o Garotinho mais uma vez

O ex-governador Anthony Garotinho atribui a operação de hoje a mais um capítulo da perseguição que vem sofrendo desde que denunciou o esquema do governo Cabral na Assembleia Legislativa e as irregularidades praticadas pelo desembargador Luiz Zveiter.

O ex-governador afirma que tanto isso é verdade que quem assina o seu pedido de prisão é o juiz Glaucenir de Oliveira, o mesmo que decretou a primeira prisão de Garotinho, no ano passado, logo após ele ter denunciado Zveiter à Procuradoria Geral da República.

Garotinho afirma ainda que nem ele nem nenhum dos acusados cometeu crime algum e, conforme disse ontem no seu programa de rádio, foi alertado por um agente penitenciário a respeito de uma reunião entre Sergio Cabral e Jorge Picciani, durante a primeira prisão do deputado em Benfica. Na ocasião, o presidente da Alerj teria afirmado que iria dar um tiro na cara de Garotinho.

Agora, a ordem de prisão do juiz Glaucenir é para que Garotinho vá com sua esposa para Benfica, justamente onde estão os presos da Lava Jato.

Cabe frisar que essa a operação à qual Garotinho e Rosinha respondem não tem relação alguma com a Lava Jato.

2 pensamentos sobre “Dias depois de gravar vídeo com denúncias contra Globo, Garotinho é preso com esposa

  1. É…, tenho de concordar! afinal o Judiciário, de Judiciário não tem mais nada! Estão usando a Instituição como instrumento de perseguição e ameaça aos seus opositores. Conseguiram acabar com as Instituições do Brasil…! E agora que o Chaves morreu…, ” Quem poderá nos ajudar!”

    Curtir

  2. Vamos fazer um esforço e colocar todos dias uma dessas “#” no twitter na hora do JN! #cassaredeglobo vamos meu povo. responder e provar que temos mais audiência que a #GloboPropineira e todas as outras emissoras que fazem vista grossa ao #FIFAGate

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s