Eleições

Haddad vai revogar reforma trabalhista e garantir direitos.Já General reafirma que Bolsonaro vai acabar com 13º

Bolsonaro

No Rs, O Vice de Bolsonaro disse que acabaria com o 13º e com o Adicional de Férias. Bolsonaro desconversou. Mas em reunião com empresários de São Paulo, General reafirma que vai acabar com 13% Salário e por consequência, como o adicional de 1/3 sobre as férias. Estes foram dois dos poucos direitos que sobraram aos trabalhadores depois que Temer sancionou a tal Reforma Trabalhista. O Senador Paulo Paim disse a este blogueiro que este seria definitivo ataque aos direitos dos trabalhadores que cairiam numa situação próxima a de escravos, privadas inclusive desta que é uma “poupança” que o trabalhador recebe a cada 12 meses trabalhados. A conversa mole de que vão dar um aumento mensal de salários, que compensaria o 13º é uma falácia, já que com a Reforma Trabalhista do Temer, os empresários tem a faca e o queijo na mão pra pagar o que quiserem aos trabalhadores. O trabalhador só perderia E os empresários, que já tem a disposição uma mão de obra cada vez mais barata, pagariam ainda menos direitos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s